Moda

Sankofa: projeto leva inclusão para a moda

Idealizado pelo movimento Pretos na Moda e a startup de inovação social VAMO, o Projeto Sankofa leva inclusão para o cenário da moda brasileira. Através da iniciativa, marcas lideradas por estilistas negros estrearam na SPFW

3 min de leitura
10 Fev 2022 - 13h35 | Atualizado em 10 Fev 2022 - 13h35

Fruto de uma parceria com a São Paulo Fashion Week, o Projeto Sankofa foi fundado há um ano e tem como idealizadores o movimento Pretos na Moda e a VAMO, Vetor Afro-Indígena na Moda, uma startup de inovação social. A iniciativa tem como missão proporcionar mais inclusão ao principal evento de moda brasileito e, através dele, oito marcas lideradas por empreendedores racializados estrearam na edição N51 da SPFW, com desfiles virtuais, e sete se apresentaram presencialmente na edição N52, que aconteceu em novembro do ano passado. 

Em 2019, aconteceu a última edição pré-pandemia e, nessa temporada, das 25 marcas participantes apenas três eram lideradas por estilistas negros, sendo elas Angela Brito, Isaac Silva e Apartamento 03. Na atual, o número cresceu para 13 em 51 marcas, um total de 25%.


Rafael Silvério e Natasha Soares (Foto: Reprodução/ Felipe Vianna)


Por trás dessa revolução na moda brasileira, estão o estilista paulistano Rafael Silvério e a modelo carioca Natasha Soares. A dupla firmou parceria com  Paulo Borges, fundador da SPFW, no final de 2020, depois de se conhecerem por intermédio da modelo mineira Camila Simões. Ao longo de 12 meses, eles assumiram o papel de rocha edificadora do Projeto Sankofa, articulando discussões na indústria em busca de patrocínio, acompanhando o desenvolvimento das marcas envolvidas e organizando a distribuição do QR Codes das apresentações. 

Toda essa correria enquanto Rafael trava a reincidência de um câncer e Natasha abria mão da carreira como modelo internacional, ficando sem dinheiro para dar seguimento às sessões de terapia ao mesmo tempo em que lidava com depressão e crises de ansiedade. “Se a gente não fizesse agora, a coisa ia cair no esquecimento e talvez a oportunidade não surgisse de novo. Para estarmos aqui, eu e o Rafael abrimos mão da nossa prioridade, que era nós mesmos, um fardo muitas vezes maior do que podíamos carregar”, comentou Natasha. 

Além de participar da São Paulo Fashion Week, as marcas escolhidas pelo projeto Sankofa também contam com o apoio voluntário de fotógrafos, stylists e estilistas, profissionais que são veteranos do mercado da moda, como Paula Raia, Thiago Ferraz, Daniel Ueda e Vitorino Campos. 

 

Foto destaque: Naya Violeta participa do Projeto Sankofa. Reprodução/ Naya Violeta

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo