Bem Estar

Saiba quais 5 formas de cuidar da sua saúde mental

O especialista Dr. Sérgio Rocha, psiquiatra e Diretor Técnico da Clínica Revitalis, aponta quais são as atitudes simples do cotidiano que podem auxiliar para uma saúde mental melhor e mais forte e também prevenir transtornos de maior gravidade

3 min de leitura
09 Nov 2022 - 13h07 | Atualizado em 09 Nov 2022 - 13h07

Por causa de uma rotina cercada de preocupações, o bem-estar e a saúde mental de um indivíduo ficam comprometidas. No entanto, algumas atitudes simples podem ajudar no equilíbrio das emoções.

Segundo o site “Saúde em Dia”, um exemplo a se levar em consideração é o caso de uma pessoa que pratica exercícios físicos que, dessa forma, está se prevenindo do surgimento de doenças graves. O site também aponta para a depressão que, segundo informações da OMS (Organização Mundial de Saúde), atinge mais de 20 milhões de pessoas apenas no território brasileiro. 

Conforme o Dr. Sérgio Rocha, psiquiatra e Diretor Técnico da Clínica Revitalis, existe a possibilidade de prevenir determinados tipos de transtornos se o indivíduo acrescentar em sua rotina atividades como: caminhar, alimentar-se bem e também dormir. O psiquiatra afirma que: “É claro que é uma forma de prevenção. Isso significa diminuir as chances de desenvolver quadros psíquicos. No entanto, existem outros fatores que podem desencadear esses transtornos”.


Post sobre o assunto. (Reprodução/Twitter @nopontostore)


Sendo assim, o psiquiatra fez uma lista com cinco dicas que podem contribuir com o bem-estar, dessa forma proporcionando o equilíbrio da saúde mental e também prevenindo problemas maiores e com difícil tratamento no futuro. As dicas são: terapia, atividade física, alimentação, meditação e descanso.  

Terapia

Quando o assunto é a saúde mental, fazer psicoterapia é um fator de grande importância. O “Saúde em Dia” mostrou o resultado de uma recente pesquisa do Instituto FSB, encomendada pela SulAmerica, indicando que 60% dos brasileiros que fazem terapia iniciaram a mesma em meio a pandemia, quando se viram perante uma situação desafiadora para todos, e esse dado só deixa claro que a grande questão é que a maioria das pessoas só vão atrás de ajuda quando já estão com um problema.

Segundo o Dr. Sérgio Rocha, o ideal é que o indivíduo cuide da saúde mental antes de ter algum transtorno, como forma preventiva. O especialista diz que o tratamento de saúde mental é um trabalho contínuo. “O tratamento de saúde mental não é limitado a um evento, é um trabalho contínuo, e equilibrá-la durante a vida pode fazer diferença lá na frente”, disse. 

Atividade física

Como abordado anteriormente, a prática de exercícios físicos contribui para uma vida mais saudável, de muitas maneiras e pessoas com o hábito de se exercitarem possuem chances pequenas de desenvolverem depressão e transtornos de ansiedade, por exemplo.   

Rocha comenta que “o hábito de realizar atividades físicas - como caminhar, correr ou outros esportes - é fundamental para equilibrar a saúde mental, além de ser também muito importante para o bem estar de maneira geral”. O especialista também alerta para: “Muito se fala sobre os riscos do sedentarismo para o desenvolvimento de hipertensão, diabetes e doenças do coração, mas é importante ter em mente que os riscos para o desenvolvimento de doenças mentais também existem”.  

Alimentação

Outra maneira de cuidar da saúde mental é se alimentar bem e equilibrar as refeições ao longo do dia. O Dr. Rocha alerta que o indivíduo que não se alimenta bem não está contribuindo para a própria saúde de forma geral. A aliança entre uma boa alimentação com fatores, como a prática de exercícios, pode ajudar para a sensação de bem-estar. 

O especialista aponta que a alimentação tem total conexão com outros hábitos saudáveis, tais como a qualidade do sono e a ingestão de água. “A alimentação está totalmente ligada a outros hábitos saudáveis, como a própria qualidade do sono, a ingestão de água, etc. Os cuidados nunca são únicos, são em várias frentes, por isso a abordagem deve ser integrada”, recomenda. 

Meditação

Quanto à prática de meditação, há muitos benefícios como diminui os sintomas depressivos e ansiosos, redução do estresse, melhora a memória e a qualidade do sono e reduz também vícios e compulsões e, além disso, traz benefícios quanto a doenças crônicas.

O Dr. Sérgio Rocha afirma: “Tudo isso está direta ou indiretamente ligado à saúde mental e, por isso, a prática da meditação é uma ótima alternativa para o bem-estar”.

Descanso

Por fim, mas não menos importante, tem o descanso. Segundo detalhado pelo “Saúde em Dia”, tanto o sono em excesso como a insônia podem ajudar no surgimento de algum tipo de enfermidade psíquica, como é a ansiedade e também está incluso transtornos por abuso de alguma substância. O psiquiatra afirma que a boa saúde depende diretamente do sono de qualidade e, devido a isso, o descanso é necessário. “A boa saúde depende diretamente do sono de qualidade, e é por isso que é necessário descansar. Dormir muito ou ter insônia com muita frequência vai diminuir o bem-estar da pessoa. Além disso, pode ser um indicativo que a pessoa esteja com algum transtorno”, afirmou.

De acordo com o especialista, o ideal para que a pessoa acorde com disposição para conseguir realizar suas tarefas diárias e, também, ter uma qualidade boa de vida (em todos os aspectos) é dormir em média 8 horas por noite. 

Foto Destaque: A prática da meditação é uma das dicas do especialista. Reprodução/Shutterstock. 

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo