Notícias

Roberto Jefferson solicita transferência para hospital particular

O ex-deputado federal alega através de sua defesa que está debilitado por problemas de saúde e pede assistência médica em hospital particular sob risco de agravamento do quadro.

3 min de leitura
18 Nov 2022 - 22h33 | Atualizado em 18 Nov 2022 - 22h33

Em petição ao STF os advogados informam que o quadro de saúde dele tende a piorar caso não receba tratamento adequado, e a penitenciária onde ele atualmente está não tem capacidade de conceder os cuidados que ele necessita.

Com uma lista de enfermidades, a transferência para um hospital seria a melhor alternativa.

No pedido, a defesa alega que: “Não há dúvidas do risco de morte imposto ao peticionante, eis que o sistema prisional em que está inserido já afirmou, por diversas vezes, que não tem condições adequadas para atendê-lo”.

E continua: “É inequívoco a existência de grave risco de o requerente morrer, caso seja mantido no estabelecimento prisional, eis que a SEAP já afirmou não possuir condições adequadas para manter a estabilização da sua saúde”.

O médico de Roberto Jefferson, Antonio Talvane Alves de Oliveira afirma que ele está 30 kg mais magro, tendo uma série de problemas médicos, tais como febre, problemas cardíacos, dores abdominais, inflamação no fígado, e mais algumas doenças listadas em um relatório feito por ele.

Ele prescreveu cinco medicamentos para seu paciente e solicitou alguns exames de laboratório e radiológicos.

Roberto Jefferson está preso em Bangu desde outubro, quando uma decisão do Supremo Tribunal Federal foi determinada. Na tentativa da polícia Federal efetuar a prisão em cumprimento a decisão judicial, ele reagiu com tiros e lançamento de granada contra os agentes federais, sendo então preso em flagrante por tentativa de homicídio aos dois policiais feridos na ação.


Foto: Reprodução/ Instagram/ Roberto Jefferson

 


O político admitiu em vídeo ter atirado contra a polícia.

Com uma saúde frágil, caso sua petição seja negada, Roberto Jefferson corre sério risco de morrer, pois seus problemas de saúde podem se agravar. O sistema penitenciário brasileiro não tem estrutura para prestar assistência médica para todos os presos.

 

Foto Destaque: Valter Campanato/ Agência Brasil

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo