Notícias

Repórter se emociona durante entrevista com mulher que passa fome

Dona Janete estava na fila do Programa Prato Feito Carioca, projeto da prefeitura do Rio e relatou sobre as dificuldades que vem passando em razão da escassez de alimento.

3 min de leitura
21 Jun 2022 - 21h43 | Atualizado em 21 Jun 2022 - 21h43

Janete Evaristo, de 57 anos moradora da Zona Norte do Rio, foi às lágrimas ao conceder entrevista nesta manhã de terça (21) ao RJ TV da Rede Globo, a situação da mulher levou também a repórter Lívia Torres as lágrimas. Dona Janete estava na fila do Prato Feito Carioca do Andaraí, projeto da prefeitura do Rio que serve refeições á pessoas em situação de fome.  

De acordo com o site projeto, ele é um “programa que faz parte da Rede de Segurança Alimentar e Nutricional Carioca, elaborada pela Secretaria Municipal de Assistência Social da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro (SMAS-Rio).” O objetivo é minimizar as inseguranças nutricional e alimentar de indivíduos e famílias em condições de vulnerabilidade social, de acordo com o Mapa da Fome, no estado do RJ estima-se que mais de 1,2 milhões de pessoas não tem condições de colocar comida suficiente na mesa, esse número indica cerca de 6,8% da população carioca. 


Programa Prato Feito Carioca (Foto: Reprodução/ Prefeitura do Rio)


Em entrevista, Dona Janete que estava acompanhada de seu neto Pedro, de 5 anos relatou que está desempregada, tem mais parentes em casa para alimentar e falou das dificuldades em colocar comida na mesa, “Domingo a gente não tinha nada para comer. Eu estou desempregada, está muito difícil. Eu estou catando latinha, mas não dá. Eu não tenho ajuda de muita gente, então domingo a gente não tinha mesmo nada. Está muito difícil”, disse, Dona Janete falou emocionada sobre duas perdas recentes, uma de seu marido que morreu há 6 meses e de sua filha que faleceu há 2 anos. 

Fazem parte do Projeto Prato Feito Carioca, o Cartão Prato Feito Carioca e as Cozinhas Comunitárias, o cartão é recarregado mensalmente e proporcionará aos trabalhadores informais beneficiados refeições diárias em restaurantes e bares credenciados no programa. Já as Cozinhas Comunitárias são distribuídas toda a cidade em que os indivíduos e famílias previamente cadastrados, terão acesso a uma refeição diária gratuitamente. 

O site oficial o Programa informa que já são mais de 13 mil cartões distribuídos e 55 cozinhas implantadas.

 

Foto Destaque: Dona Janete e repórter se emocionam em entrevista. Reprodução/ G1.

VEJA TAMBÉM

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo