Celebridades

Rainha Elizabeth permite visitação aos jardins reais pela primeira vez

A residência oficial da Rainha da Inglaterra Elizabeth II, o Palácio de Buckingham, terá seus jardins abertos para visitação pela primeira vez. Os jardins foram abertos na última sexta-feira (9) e ficarão abertos até o dia 19 de setembro.

3 min de leitura
11 Jul 2021 - 13h00 | Atulizado em 11 Jul 2021 - 13h00

A residência oficial da Rainha da Inglaterra Elizabeth II, o Palácio de Buckingham, terá seus jardins abertos para visitação pela primeira vez. Os jardins foram abertos na última sexta-feira (9) e ficarão abertos para visitas até o dia 19 de setembro. A informação do jornal The Washington Post diz que pela primeira vez no seu reinado de quase 70 anos a Rainha Elizabeth II irá permitir que a população faça piqueniques nos gramados reais.


(Vista dos jardins do Palácio de Buckingham em Londres, Reprodução)

(Vista dos jardins do Palácio de Buckingham em Londres, Reprodução)


Segundo o jornal, a rainha acredita que os cidadãos ingleses precisam desse ar fresco após um ano tão difícil de pandemia e isolamento social, e pelo resto do verão europeu o público pagante poderá ter momentos de lazer no gramado principal atrás dos altos muros de Buckingham.

O acesso inédito aos limites reais irá custar 16,50 libras, ou 23 dólares, o que seria algo em torno de R$ 120. Os portadores desses ingressos poderão se quiserem chegar com baldes de frango e um lençol, trajando roupas normais do dia a dia aproveitando o sol em um dos hectares mais famosos e protegidos do mundo.

https://lorena.r7.com/post/Luciano-Szafir-enfrenta-reinfeccao-da-Covid-19-entenda-como-ela-acontece

https://lorena.r7.com/post/Mari-Gonzalez-faz-surpresa-especial-e-visita-a-amiga-Bianca-Andrade

https://lorena.r7.com/post/Cleo-Pires-compartilha-imagens-do-casamento-dela-com-Leandro-DLucca

Em um ano normal, a Rainha contaria com várias festas nos jardins reais entre os meses de maio e junho, antecedendo a visita dela e de sua comitiva para o norte da Grã-Bretanha, para dez semanas na Escócia. Tais festas no jardim contavam com a visita de 8.000 convidados por evento, onde eram servidos bolos, champanhe, entre outros alimentos.

Sem a pandemia, cerca de 8.000 de hóspedes pagantes por dia poderiam passear e admirar os espaços de dentro do Palácio de Buckingham, como a Sala de Estado, saindo pelo jardim dos fundos ao longo do trajeto de visitação, porém sem a possibilidade de ficar pelos perímetros do jardim. Devido a pandemia da Covid-19 as Salas de Estado se encontram fechadas, e os jardins por hora não são mais palco de festas diplomáticas, aproveitando assim a oportunidade de ingleses conhecerem os jardins. De acordo com a chefe de relações com a mídia do Royal Collection Trust, Sarah Davis, são esperadas 2.000 pessoas por dia nas visitações.

 

(Foto destaque: Rainha Elizabeth em evento antes da pandemia, Reprodução)

Deixe um comentário