Saúde

Primeiros socorros: o que fazer em um caso de parada cardíaca

Quem sofre uma parada cardíaca - ou cardiorrespiratória -, deve-se imediatamente receber uma reanimação cardíaca. Isso pode dobrar e até triplicar a chance reversão do caso e de sobrevivência. Confira como agir nessa situação.

3 min de leitura
04 Fev 2022 - 08h45 | Atualizado em 04 Fev 2022 - 08h45

A parada cardíaca - ou parada  cardiorrespiratória (PCR) - é uma situação de emergência que pode causar a morte em poucos minutos. A causa súbita é motivada pelo coração que interrompe a sua atividade de bombear  sangue e levar oxigênio para os demais órgãos. Os sintomas mais comuns de uma parada cardíaca são uma forte dor no peito que induz à perda da consciência e o desmaio. No entanto, outros sintomas podem surgir, alertando a  possível parada cardíaca:

1. Dor forte no peito que aumenta cada vez mais e que, inclusive, pode se estender para as costas, braços ou mandíbula;
2. Dificuldade em respirar;
3. Dificuldade em falar;
4. Formigamento no braço esquerdo;
5. Suores frios.
6. Palidez e cansaço excessivo;
7. Náuseas e tonturas frequentes;


Massagem cardíaca. (Foto: Reprodução/ ge.globo/ Getty Images)


A parada cardiorrespiratória pode atingir qualquer pessoa e acontecer em qualquer lugar. Segundo um levantamento feito pela SOBRAC, Sociedade Brasileira de Arritmias Cardíacas, das paradas cardíacas que não ocorrem no hospital, 86% acontecem em casa e 14% em lugares públicos ou empresariais. E dentre dessa porcentagem, esses casos representam 200 mil das 300 mil mortes por PCR que acontecem, em média, a cada ano no Brasil. Ou seja, um grande número dessas vítimas não estão em um ambiente hospitalar.

É fundamental saber que após 10 minutos do início da PCR, as chances de reverter a situação vão diminuindo cada vez mais, devido ao comprometimento dos órgãos. Posto isso, é de suma importância saber como agir nesses casos e ir imediatamente para o pronto-socorro ou chamar uma ambulância. Caso o indivíduo desmaie é válido verificar se está respirando. Se nesse contexto a pessoa não estiver respirando, deve-se iniciar uma massagem cardíaca.

Como fazer a massagem cardíaca?
De acordo com a cardiologista Ana Luiza Lima, em matéria para o Tua Saúde, deve-se seguir esse seguintes passos:
1.  Colocar as duas mãos no centro do peito com os dedos entrelaçados, no ponto médio entre os mamilos;
2. Fazer compressões mantendo os braços esticados e empurrando o peito para baixo até que as costelas desçam cerca de 5 cm;
3. Manter as compressões até a chegada da ajuda médica num ritmo de 2 compressões por segundo.


Passos para a massagem cardíaca. (Foto: Reprodução/ TuaSaúde)


Em paralelo a massagem, deve-se fazer a respiração boca a boca a cada 30 compressões, fazendo-se 2 inalações para o interior da boca da vítima. Contudo, caso a vítima seja desconhecida, esse passo não é necessário, mas as compressões devem ser feitas repetidamente até a chegada da equipe médica.

 

Foto Destaque: Homem com dor no peito. Reprodução/culturamix

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo