Saúde

Primeiros pacientes recebem vacina experimental contra HIV

O olhar para a ciência durante a pandemia de Covid-19 trouxe novas esperanças para outras doenças que assolam o mundo como o HIV. Novas vacinas são criadas a partir das mesmas técnicas.

3 min de leitura
01 Fev 2022 - 11h08 | Atualizado em 01 Fev 2022 - 11h08

Os estudos que ajudam no combate ao HIV chegam em uma fase muito importante no mundo e uma tremenda evolução para a saúde da população de uma forma geral. A farmacêutica americana Moderna segue com testes de um imunizante utilizando a tecnologia de RNA mensageiro. A vacina experimental é aplicada nos primeiros pacientes de um ensaio que está conhecido como IAVI G002, o qual está sendo realizado em cooperação com a International AIDS Vaccine Initiative (IAVI), uma instituição de estudos científicos. 


O combate ao HIV avança com novas vacinas. (Foto: Reprodução/Freepics)


HIV é conhecido mundialmente pela sigla que vem da língua inglesa. Ele é o vírus que provoca a aids, atacando o sistema imunológico, e as defesas do organismo contra doenças. As células mais afetadas são os linfócitos, onde ele altera o DNA da célula que o HIV faz cópias de si mesmo. Após a sua multiplicação, ele rompe os linfócitos e procura outros para perpetuar a infecção.

Segundo os cientistas e a fabricante,  o estudo atual é feito testando a versão inicial da vacina já descoberta em outros estudos e também uma versão de reforço, empregando a tecnologia de RNA mensageiro da Moderna, mesma base de estudo usada para criar uma vacina contra a Covid-19.

Estamos extremamente empolgados em avançar nessa nova direção no design de vacinas contra o HIV com a plataforma de mRNA da Moderna. A busca por uma vacina contra o HIV tem sido longa e desafiadora, e ter novas ferramentas em termos de imunógenos e plataformas pode ser a chave para progredir rapidamente em direção a uma vacina eficaz e urgentemente necessária”, disse a Moderna através de um comunicado. 

As infecções por HIV são entendidas como uma demanda da saúde pública no mundo todo. Diante disso, com o aumento da informação e da busca pelo  diagnóstico da doença,  em conjunto com a eficácia do tratamento, a epidemia de HIV se tornou gerenciável, fazendo com que as pessoas  que carregam o vírus tenham uma vida saudável e normal. 

Foto Destaque: Vírus ataca o sistema imunológico. Reprodução/The Journal. 

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo