Esportes

Pesquisa apontou que a preferência ainda é por um brasileiro no comando da Seleção

Na última semana, uma pesquisa elaborada pelo Datafolha, apontou que 41% são a favor de um estrangeiro. Em junho eram 30%. No início de Janeiro, os dirigentes da CBF vão agilizar para contratar um novo treinador

3 min de leitura
26 Dez 2022 - 20h57 | Atualizado em 26 Dez 2022 - 20h57

Após mais uma queda vergonhosa da Seleção Brasileira na Copa do Mundo, fez com que os dirigentes da CBF pensassem sobre a possibilidade de ter um treinador estrangeiro no comando do time pentacampeão mundial. Segundo a pesquisa do Datafolha, realizada entre os dias 19 e 20 de dezembro com 2.226 mil pessoas entrevistadas, mostrou que a rejeição por um técnico estrangeiro, que antes era grande, diminuiu.

No início do segundo semestre deste ano, em julho, somente 30% dos entrevistados eram a favor de um técnico de outro país no comando do "Brasa". Agora, aumentou 11% os apoiadores de um comandante internacional para ocupar o lugar de Tite, após anunciar sua saída do cargo. Entretanto, uma boa parte, cerca de 48% das pessoas ainda preferem que um brasileiro esteja a frente do comando do time. 6% indicaram que são indiferentes e 5% não souberam responder.

Todos os entrevistados pelo Datafolha têm 16 anos ou mais. Os mais jovens, entre 16 e 24 anos, a aceitação em ter um técnico estrangeiro é maior, com 46% e outros 46% não apoiam a chegada de um treinador vindo de fora.


Abel

Pesquisa aponta que o preferido dos torcedores ainda é um técnico brasileiro. (Foto: Reprodução/Instagram)


Entre os entrevistados mais velhos, de 60 anos ou mais, a opção por um estrangeiro no cargo caiu para 32%, um pouco mais da metade, cerca de 55% são contrários à ideia.

A CBF irá estudar a melhor forma de resolver esse "problema" e fechar com um treinador no início de 2023. Tite saiu após seis anos e duas Copas do Mundo disputadas e com o título de uma Copa América, em 2019.

Após o anúncio da saída do antigo comandante da Seleção, diversos nomes, como o português José Mourinho, treinador da Roma, o italiano Carlo Ancelotti, comandante do Real Madrid e, hoje, o francês Zinedine Zidane, atualmente sem clube.

Já no território brasileiro, o estrangeiro que é mais cotado para assumir o comando técnico da Seleção Brasileira é o português Abel Ferreira, multicampeão pelo Palmeiras. Além dele, os brasileiros Fernando Diniz, do Fluminense, Mano Menezes [que já teve passagem antes do comando de Tite], do Internacional e Dorival Júnior, ex-técnico do Flamengo e atual campeão da Libertadores, são alguns nomes cotados.

 

Foto destaque: Técnicos estrangeiros têm uma rejeição menor, mas o favorito é um brasileiro no comando da Seleção. Reprodução/Instagram 

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo