Notícias

Pesquisa anual "A cara da democracia" traz o perfil do eleitorado brasileiro

Além da autodeclaração, os entrevistados responderam perguntas relacionadas a assuntos polêmicos. O extremismo dos entrevistados de direita foram marcantes na pesquisa.

3 min de leitura
03 Jul 2022 - 09h15 | Atualizado em 03 Jul 2022 - 09h15

Dados da pesquisa de opinião pública anual "A cara da democracia" auxiliam no entendimento do perfil do eleitorado e o que  esperar das próximas eleições. As opções de resposta da pesquisa são subdivididas em mais à direita ou mais à esquerda em uma escala de 1 a 10. Com os resultados, é possível tabelar o perfil predominante de eleitor no país conforme publicado pelo O Globo.

Ao serem entrevistados, 30% dos participantes da pesquisa de autodeclararam de direita. Em contrapartida, 16% se disseram ser de esquerda. Além do resultado percentual quase dobrado, os temas escolhidos para tabelar a pesquisa também refletem o predomínio da população dita de direita no país - atualmente maior cargo político do país também é ocupado por um direitista, Jair Messias Bolsonaro traz valores ligados a família e a religião desde a sua campanha presidencial. 

Dentre os temas abordados na pesquisa estão: redução da maioridade penal - resultado geral: 70% a favor/ 30% contra; aborto - 76% dos entrevistados são contra; casamento entre pessoas do mesmo sexo - 44% contrários; prisão de mulheres que realizam aborto - 58% contra; adoção de criança por casais do mesmo sexo 39% contra. 

Militarização de escolas públicas, rezar nas escolas e acreditar em Deus, permissão para mineração nas terras indígenas e descriminação das drogas também foram abordados durante a realização da pesquisa.

O estudo foi realizado pelo Instituto da Democracia e foram entrevistados presencialmente 2.538 eleitores em 201 cidades brasileiras entre os dias 4 e 16 de julho. A margem de erro é de 1,9 ponto percentual e o índice de confiabilidade dos dados representa 95%.


Pesquisa tornou-se destaque na edição do O Globo (Foto: Reprodução/ Instagram)


Ainda segundo dados da pesquisa, 18% dos entrevistados se consideram de extrema-direita. Entretanto, no caso das pessoas que se declaram de esquerda (número que oscilou entre 9% a 11%) optaram por sinalizar com o número 1 - menor na escala. 

Para além da autodeclaração, as respostas convictas do quantitativo que se denomina direita, reforçam o radicalismo extremo de opiniões no que se refere a pautas polêmicas, apesar do avanço em pautas pré - democracia também registrados durante a pesquisa.

 

Foto destaque: Eleitor. Reprodução/ Nexo Jornal.

 

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo