Saúde

OMS mantém pandemia de Covid-19 como emergência internacional

Nesta terça-feira (12) a OMS publicou nota alertando que a pandemia de Covid-19 continua como emergência internacional. A organização deixou clara sua preocupação quanto à redução de testes

3 min de leitura
13 Jul 2022 - 09h02 | Atualizado em 13 Jul 2022 - 09h02

Nesta terça-feira (12), a Organização Mundial da Saúde (OMS) publicou nota alertando que a pandemia da Covid-19 continua a constituir uma Emergência de Saúde Pública de proporção internacional.

O Comitê de Emergência da OMS para a Pandemia se reuniu na sexta-feira (8) e, segundo o mesmo, a doença pandêmica continua a seguir critérios que a classifiquem como uma ameaça à saúde da população mundial.

A avaliação do comitê foi motivada pelo recente aumento da taxa de crescimento de casos em muitos países em diferentes regiões. Além disso, o esperado é que a evolução contínua do vírus siga de forma imprevisível e que o surgimento de novas variantes podem impactar negativamente a saúde.

Segundo informação divulgada pela CNN, o Comitê de Emergência expressou em comunicado: “Preocupação com reduções acentuadas nos testes, resultando em cobertura e qualidade de vigilância reduzidas, além de menos sequências genômicas sendo submetidas a plataformas de acesso aberto. Isso impede as avaliações das variantes atuais e emergentes do vírus e está se traduzindo em menor capacidade de interpretar tendências na transmissão e de ajustes em medidas de saúde pública”.


Pesquisadores da Fiocruz fazem testes para identificar variante do coronavírus. (Foto: Reprodução/CNN Brasil)


Mesmo com o alerta quanto à redução dos testes, os números relatados à OMS de casos de Covid-19 tiveram um aumento de 30% nas duas últimas semanas, maioria impulsionada pelas subvariantes Ômicron BA.4, BA.5 e demais linhagens, além do aumento relacionado às medidas sociais e de saúde pública. 

De acordo com informações do UOL, na nota da OMS ainda é destacado que há incertezas quanto ao nível de prontidão dos sistemas de saúde sobrecarregados para reagir as futuras ondas da pandemia de Covid-19.  

A diretoria-geral da OMS também emitiu recomendações temporárias como alcançar maior cobertura vacinal possível da população de alto risco e promover o uso de medidas de proteção efetivas individuais com o intuito de reduzir a transmissão, como o uso de máscaras e o distanciamento social.

Foto Destaque: Sede da Organização Mundial da Saúde em Genebra. Reprodução/ISTOÉ DINHEIRO.

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo