Saúde

O uso de cigarro está relacionado com um terço das mortes por câncer nos Estados Unidos

Do total de mortes por câncer, 30% dos casos têm relação com o uso de cigarro, revela uma pesquisa que acaba de ser divulgada pela Sociedade Americana do Câncer

3 min de leitura
14 Set 2022 - 09h00 | Atualizado em 14 Set 2022 - 09h00

Do total de mortes por câncer, 30% dos casos têm relação com o uso de cigarro, revela uma pesquisa que acaba de ser divulgada pela Sociedade Americana do Câncer. Os pesquisadores conseguiram chegar a essa porcentagem após analisar dados de mais de 120 mil mortes por tumores em 2019 nos Estados Unidos. 

Além disso, os estudiosos observaram um prejuízo de mais de 2 milhões de anos de vida pela queda na expectativa de vida dos pacientes estudados. A perda de pessoas em idades ativas, ou a falta de capacidade delas, gera um impacto econômico de 21 bilhões de dólares por ano.  

“Os dados não nos surpreendem, porque sabemos que o cigarro é o fator fundamental de risco para os tumores mais prevalentes”, diz a pneumologista Luiza Helena Degani Costa, do Hospital Israelita Albert Einstein.  

O estudo indica o efeito do tabagismo na sociedade, com um alto valor emocional, social e econômico. Para isso, os estudiosos avaliaram as mortes por tumores sabidamente associados ao cigarro: cavidade oral, faringe, esôfago, estômago, cólon, fígado, pâncreas, pulmão, bexiga e leucemia mieloide aguda, entre outros.  


Consulta médica. (Foto: Reprodução/Pexels)


Embora o tabagismo venha caindo com o passar dos anos, ainda há mais de 1 bilhão de fumantes no mundo. O cigarro é causador de mais de 7 milhões de mortes a cada ano no planeta, segundo dados de um outro estudo recente publicado na revista The Lancet, que esquematizou o efeito do tabagismo em mais de 150 países ao longo de quase 30 anos. 

Nesse panorama, o Brasil possui números mais positivos em comparação, como aponta Luiza: “Isso porque seguimos todas as recomendações da Organização Mundial da Saúde em termos de educação da população, proibição de consumo”.  

Graças a essas proporções, a taxa de fumantes brasileiros diminuiu cerca de 70% nas últimas três décadas e é praticamente a metade do índice nos Estados Unidos, onde a queda foi de 30% no mesmo período. Nos EUA, é em torno de 15% das mulheres e 20% dos homens fumam. No Brasil, esses números estão por volta de 7% e 11%, respectivamente

 

 

 

Foto destaque: Pessoa fumando. Reprodução pexels.

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo