Tech

O grupo de hacker conhecido como Anonymous entra em guerra cibernética com Rússia

Em meio à guerra na Ucrânia, o grupo mudialmente famoso de hacker Anonymous declarou uma “guerra cibernética” contra a Rússia apos a declação de gerra do presidente russo

3 min de leitura
27 Fev 2022 - 17h00 | Atualizado em 27 Fev 2022 - 17h00

O famoso grupo hacker de ciberativistas os famosos "Anonymous" entrou no conflito geopolítico e ciberataque entre a Rússia e a Ucrânia.

Poucos dias após a declaração de guerra do presidente russo Vladimir Putin e a subsequente invasão da Ucrânia, os Anonymous declararam guerra contra o governo de Putin. O anúncio veio através das redes sociais: “O coletivo Anonymous está oficialmente em guerra cibernética contra o governo russo”.



Anonymous intensifica esforço de hackers contra o Kremlin

Pouco antes de o Anonymous anunciarem suas intenções de expandir as operações para uma guerra cibernética, vários hackers dentro do coletivo derrubaram o site do RT, um canal de mídia estatal russo. Outros sites relacionados ao Kremlin também foram atacados, incluindo o Ministério da Defesa.

Nos próximos dias, o Anonymous planeja continuar as operações e alguns acreditam que a Rússia poderá ver tentativas de roubar informações confidenciais.

Além de realizar seus próprios ataques, parece que o Anonymous também está vazando informações militares russas que eles coletaram ou promovendo o que está sendo relatado na mídia. Em 24 de fevereiro, o coletivo twittou que o Kremlin planeja invadir Kiev nas próximas noventa e seis horas.



Que outros países ou indivíduos foram alvos do Anonymous?

Esta não é a primeira vez que o Anonymous decide interferir em um conflito internacional. Nos últimos anos, o coletivo lançou ataques contra a Ku Klux Klan e grupos extremistas islâmicos. Eles também expuseram várias celebridades, líderes e empresários de alto perfil que estavam ligados a Jeffry Epstein e ao tráfico sexual de menores.

No Brasil, o Anonymous ficou conhecido por publicar, no ano em 2020, com notícias do presidente Jair Bolsonaro e dos seus filhos e integrantes do governo brasileiro Bolsonaro e a administração da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, o ministro da Educação, Abraham Weintraub.

Relatórios mostram que a Rússia também está envolvida em guerra cibernética

Pouco antes da invasão em grande escala da Ucrânia, o Kremlin perpetrou vários ataques cibernéticos contra o site do governo ucraniano. Depois que os militares russos começaram a disparar mísseis balísticos contra vários alvos militares estratégicos na Ucrânia, o governo do presidente Volodymyr Zelenskyy relatou ataques cibernéticos adicionais, que há muito se sugeriam que fariam parte do plano do Kremlin. Durante esses ataques, algumas entidades privadas, incluindo bancos, também foram alvejadas.

 

(Foto destaque: Hackear do Anonymmous. (Reprodução/maisbrasil.news)

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo