Saúde

Novo estudo aponta que exame de sangue pode ajudar a diagnosticar transtornos mentais

Pesquisadores da Universidade de Newcastle, na Austrália, apontam relação entre distúrbios psiquiátricos e traços bioquímicos que podem ser detectados por exame de sangue

3 min de leitura
19 Out 2022 - 17h06 | Atualizado em 19 Out 2022 - 17h06

O exame de sangue é um dos tipos de exames mais conhecidos, populares e fáceis de serem realizados, já ajudam a detectar uma série de doenças como diabetes, infecções, HIV, avaliar os rins, o fígado e etc.

No entanto, essa lista está prestes a ser estendida devido a uma nova descoberta que pode revolucionar o diagnóstico de transtornos psiquiátricos, incluindo-os no hall de condições que podem ser detectadas pelo exame de sangue.

Novo tipo de diagnóstico

A equipe de pesquisadores da Universidade de Newcastle, na Austrália, descobriram uma relação entre a presença de distúrbios psiquiátricos e alguns biomarcadores que podem ser identificados pelos exames de sangue tradicionais, o que pode ser um grande avanço no diagnóstico de transtornos mentais como depressão, esquizofrenia e transtornos bipolares.

De acordo com os cientistas há “fortes evidências de um efeito causal” entre os transtornos psiquiátricos e os biomarcadores encontrados pela pesquisa, o que indica que direcionar o tratamento das doenças para os traços bioquímicos.

Uma descoberta nova

Apesar de ser uma importante descoberta para o diagnóstico e tratamento de doenças psiquiátricas, já haviam indicadores de que esses transtornos poderiam ser detectados através de exames de sangue.


Dr. Fabiano de Abreu (Foto: Arquivo Pessoal)


Em 2020, o Pós - PhD em neurociências luso-brasileiro, Dr. Fabiano de Abreu Agrela, realizou um estudo que abordava o tratamento de doenças psiquiátricas através de exames de sangue e/ou genéticos intitulado 'Psicoconstrução - A arquitetura da mente humana: da memória, passando pela hipófise protegida pelo esfenóide, até o eva mitocondrial'.

“Você alivia o problema através da consciência [com os tratamentos tradicionais], mas não o resolve se já há cicatrizes resultantes das disfunções traçadas por nossos mensageiros químicos que controlam nossos sentimentos e emoções [...] traçar todo o necessário para que o paciente tenha o conforto necessário para conduzir a sua vida da melhor maneira possível num tratamento que envolva todas as nuances do problema”.

Sobre o Prof. Dr. Fabiano de Abreu  

Sobre o Prof. Dr. Fabiano de Abreu Agrela  Dr. Fabiano de Abreu Agrela Rodrigues, é um Pós PhD em neurociências, mestre em psicologia, licenciado em biologia e história; também tecnólogo em antropologia com várias formações nacionais e internacionais em neurociências. É diretor do Centro de Pesquisas e Análises Heráclito (CPAH), Cientista no Hospital Universitário Martin Dockweiler, Chefe do Departamento de Ciências e Tecnologia da Logos University International, Membro ativo da Redilat - La Red de Investigadores Latino-americanos, do comitê científico da Ciência Latina, da Society for Neuroscience, maior sociedade de neurociências do mundo nos Estados Unidos e professor nas universidades; de medicina da UDABOL na Bolívia, Escuela Europea de Negócios na Espanha, FABIC do Brasil, investigador cientista na Universidad Santander de México e membro-sócio da APBE - Associação Portuguesa de Biologia Evolutiva. Membro de 4 sociedades de alto QI, entre elas a Mensa International e a mais restrita do mundo Triple Nine Society.

Foto Destaque: Reprodução

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo