Cinema/TV

Netflix divulga abertura do live-action de 'Cowboy Bebop'

Netflix divulga tema de abertura do live-action de Cowboy Bebop no evento Tudum. John Cho estrela o seriado baseado no famoso anime dos anos 90, estreia acontece em 19 de novembro.

3 min de leitura
25 Set 2021 - 17h12 | Atulizado em 25 Set 2021 - 17h12

Durante a parte final do Tudum, evento brasileiro voltado para a divulgação de projetos originais da Netflix, foi liberada a abertura da série live-action de 'Cowboy Bebop'. O seriado é baseado no anime de mesmo nome lançado pela Sunrise em 1998 que conta a história de um grupo de caçadores de recompensas formado por Spike Spiegel, Jet Black e Faye Valentine.

A trama é situada num futuro distópico onde boa parte dos humanos deixaram de viver no planeta Terra e passaram a colonizar outros planetas do universo, há uma forte inspiração em temáticas faroestes e samurais. O vídeo divulgado faz referência a abertura clássica do anime ao som da melodia Tank! da compositora Yoko Kanno. Confira abaixo:


Abertura de Cowboy Bebop. (Vídeo: Reprodução/Netflix/YouTube)


Apesar das boas intenções da Netflix em adaptar o anime para live-action, muitos fãs ficaram receosos com a ideia, dado o histórico ruim da empresa com outras adaptações de obras famosas da cultura japonesa, é o caso do desastroso filme de 'Death Note' que foi massacrado por público e crítica por falhar em transpor a essência do material original para um longa-metragem. Essa preocupação em deturpar o sentido da obra original era uma das preocupações do showrrunner André Nemec, mas em entrevista para a Entertainment Weekly, ele acalmou os fãs e garantiu que o live-action funciona como um complemento ao mundo criado na animação original.

“Eu prometo que nunca tiraremos o anime original dos puristas. Sempre existirá lá fora ", diz Nemec. "Mas estou muito animado com as histórias que estamos contando. Acredito que fizemos um ótimo trabalho em não violar o cânone em nenhuma direção, mas apenas oferecer alguns vislumbres extras do mundo que já foi criado”.

https://lorena.r7.com/post/Alerta-Vermelho-Gal-Gadot-luta-contra-Dwayne-Johnson-e-Ryan-Reynolds-em-nova-previa-do-filme

https://lorena.r7.com/post/Aquaman-2-adiciona-Indya-Moore-Jani-Zhao-e-Vincent-Regan-ao-elenco

https://lorena.r7.com/post/Andy-Serkis-diz-que-The-Batman-sera-incrivel

Ainda que a nova versão respeite o material fonte, Nemec fez questão de salientar que a série da Netflix não será uma cópia do anime, mas pega elementos deixados em aberto por ele e explora mais a fundo. “Eu acho que a natureza poética do anime nos permitiu absolutamente explorar a natureza arquetípica dos personagens e cavar histórias mais profundas que queríamos explorar - e responder algumas das perguntas que o anime deixa para você. Acho que apenas refazer o anime vai deixar um público faminto por algo que já viu. O anime fez um trabalho incrível. Não precisamos servir exatamente a mesma refeição. Eu acho que teria sido decepcionante se tivéssemos feito isso".

O live-action de 'Cowboy Bebop' chega em 19 de novembro ao catálogo da Netflix e para fazer um esquenta, a plataforma anunciou que o anime que inspirou o seriado estará disponível em 21 de outubro. O elenco da nova versão é formado por John Cho (Star Trek) como Spike Spiegel, Mustafa Shakir (Luke Cage) como Jet Black, Daniela Pineda (Jurassic World: Reino Ameaçado) como Faye Valentine, Alex Hassel (A Tragédia de Macbeth) como Vicious e Elena Satine (The Gifted) como Julia. A primeira temporada terá 10 episódios com aproximadamente 50 minutos de duração cada.

Foto Destaque: Cowboy Bebop da Netflix. (Reprodução/Netflix/Twitter)

Deixe um comentário