Nego Di afirma ser machista, homofóbico, racista e gordofóbico: “Quero mudar”

Publicado 26 de Jan de 2021 às 16:09

O Big Brother Brasil 21 mal começou e já está dando o que falar. Na manhã desta terça-feira (26), Nego Di teve uma longa conversa com os brothers Lucas Penteado e Arcrebiano Aráujo. Durante o bate papo, Nego afirmou que tem muitos preconceitos, mas quer se desconstruir durante a participação no programa.

“Eu não quero ser machista, já fui pra caramba, já fiz piada já, mas quero mudar. Esse aqui é um espaço que quero usar para as conhecerem a minha pessoa. Dilson não só o humorista, nem o Di que fala um monte de besteira, porque eu não sou só isso. Sou empresário, sou pai, sou ator também, sou um monte de coisa que muita gente não sabe. Quero que as pessoas me enxerguem assim, não só como o negão palhaço que fala um monte de besteira, que é engraçado ou que é machista”, desabafa Nego Di.

Leia Mais: Exclusivo: Família de Thaís do ‘BBB 21’ fala sobre personalidade e estratégias da sister para o reality


Nego Di durante a conversa com Arcrebiano e Lucas. (Repodução/Globo/BBB)


Dando continuidade ao papo, o artista afirma entender que está em um momento de evolução. “Eu entendo que sim, sou machista, homofóbico, sou racista, sou gordofóbico. Mas a diferença entre mim e uma pessoa que talvez quer que eles morram ou quer fazer o mal a eles, é que eu entendi que isso precisava parar dentro de mim, e cada um tem o seu momento. Todo mundo é isso aí mano, a minha mãe é machista para car#lho. Só que as pessoas tem seu processo de evolução. O meu processo é agora, e eu quero mudar.”

Nego Di compartilhou também os pensamentos que tinha antes de entrar para o reality. “Vou entrar no Big Brother e os caras vão querer me cancelar, aqui tá tudo certo, tô ganhando dinheiro. Vou lá me expor e pode ser que seja negativo, mas tem um outro lado. E se eu conseguir dar meu melhor lá, mostrar minha melhor versão e expandir meu trabalho”, conta.

Finalizando o assunto o ator afirmou não ter medo de jogar e dar sua opinião durante o reality: “Eu não tenho medo! Só de fazer o que eu faço, onde eu moro, onde eu cresci, vir de onde vim, sendo quem eu sou, eu não tenho medo. E não é pra me promover, é o que eu acredito e acho que tenho que falar”.

 

(Foto Destaque: Nego Di afirma ser machista, homofóbico, racista e gordofóbico: “Quero mudar”. Reprodução/Instagram)

Deixe um comentário