Música

Morre Maxi Jazz aos 65 anos

A morte do vocalista da banda britânica Faithless foi confirmada pelo Twitter oficial do grupo. Os colegas de banda Sister Bliss e Rollo prestaram suas homenagens nas redes sociais.

3 min de leitura
25 Dez 2022 - 16h30 | Atualizado em 25 Dez 2022 - 16h30

O vocalista da banda Faithless Maxi Jazz morreu ontem (24), aos 65 anos. A notícia foi confirmada através do Twitter oficial da banda. A causa da morte ainda não foi divulgada.

"Nós estamos de coração partido ao dizer que Maxi Jazz morreu em paz enquanto dormia na noite passada. Ele era um homem que mudou nossas vidas de diversas formas. Ele deu um sentido e uma mensagem para nossa música. Ele era um ser humano adorável que tinha tempo para todos e uma sabedoria que era tanto profunda como acessível", disse a banda em pronunciamento oficial. Seus colegas de banda Sister Bliss Rollo também prestaram suas homenagens nas redes sociais.


Pronunciamento oficial da banda (Reprodução/Twitter)


Faithless foi uma banda nascida nos anos 90 na Inglaterra, misturando música eletrônica com diversos outros gêneros musicais. O projeto ficou conhecido principalmente pelo talento das habilidades vocais de Maxi. Seu primeiro álbum, Reverence (1995), foi #1 nas paradas britânicas. Conhecidos por ser um dos projetos mais duradouros da cena dance, o grupo chocou os fãs em 2011 ao anunciar seu encerramento. 

Os donos do sucesso Insomnia ficaram em hiato durante 4 anos até 2015, quando lançaram o álbum remix Faithless 2.0, em parceria com grandes nomes da música eletrônica como o DJ Avicii, falecido em 2018. O disco mais recente do grupo foi lançado sem a presença do vocalista em 2020, intitulado All Blessed.

Jazz nasceu em 1957 em Londres, na Inglaterra, tendo começado sua carreira como DJ em 1984. Seu último trabalho foi em 2022, quando o músico colaborou com o DJ e produtor brasileiro no single Commotion. Ele era notório por trazer seus pensamentos políticos para as composições de sua banda, abordando temas como imigração e probreza. Maxi também era conhecido por ser um entusiasta de carros de corrida. O vocalista não deixa filhos.

 

Foto Destaque: Maxi Jazz. Reprodução/Facebook

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo