Ludmilla é vitima de ataques racistas e desativa suas redes sociais

Publicado 19 de Dec de 2020 às 20:05

Mais um episódio inaceitável! A cantora Ludmilla desativou suas redes sociais nesta sexta-feira (18) por um motivo revoltante: uma onda de ataques racistas que ela vem recebendo através de suas redes sociais. Antes de desativar suas respectivas contas, Ludmilla fez um desabafo: “Estou tirando print de tudo, porque isso é crime, e eles vão pagar, um por um”, afirmou.

A rainha da favela, exibiu antes de desativar as contas, um post mostrando alguns ataques e ressaltou que são frequentes.


Antes de desativar as redes sociais, Ludmilla tinha desabafado sobre os ataques que têm recebido

(Foto: Reprodução/Twitter)


“Vocês não têm noção do que eu passo com essas pessoas. São 24horas por dia de comentários racistas em todas as minhas postagens”, desabafou.

Leia mais: Anitta-fala-sobre-nova-serie-que-planejou-para-o-canal-Netflix

A cantora recebeu apoio de seus fãs, que saíram em defesa da mesma, e a hashtag estamos com Ludmilla se tornou uma das mais compartilhadas na manhã deste sábado (19).Ludmilla é uma mulher linda e merece respeito”, disse uma internauta. “Nossa cor, nossa voz, nossa história deve ser valorizada”, afirmou outra internauta.  


Símbolo de apoio à Ludmilla (Foto: Reprodução/Instagram) 


Rede de apoio

A sua esposa, Brunna Gonçalves, desabafou sobre a situação na sua conta do Twitter, “Não temos um dia de paz. Todo santo dia ela é atacada por nada! Vocês vão pagar por tudo isso, racistas não passarão. Vocês não têm noção de como eu fico vendo ela triste. Isso tem que acabar”, disse.

A cantora Ivete Sangalo, que lançou no início do carnaval junto com Lud, a música “Pulando na pipoca”, através de sua conta do Instagram disse: “Ludmila.Ludmila, vc é maravilhosa. Vc é o sucesso, a coragem, a beleza! Vc inspira! Tô com vc minha amiga amada”, escreveu Ivete.

A atriz Taís Araújo também usou sua conta do Instagram para desejar apoio a Ludmilla.

“Há pouco tempo eu disse pra Lud que queria vê-la cada vez maior, enorme! E hoje eu queria reforçar a grandeza dessa mulher que saiu de Caxias para conquistar o mundo e vem trilhando seu próprio caminho de forma muito particular, com garra e talento. Lud, meu amor, levanta a cabeça e volta logo pras suas redes e pras nossas vidas porque quem curte e admira você precisa de você aqui e quem te diminui vai ter que te ver bagunçando a zorra toda com muita garra e talento como vc sempre fez. Já que o que racista mais odeia é ver negro brilhando, então vai lá tirar um gosto do dvd de pagode que a Lud vai lançar, porque ontem saiu música nova. A gente vai se acabar de dançar e os racistas vâo pirar! Bora ouvir essa artista sensacional?”, expressou Taís Araújo.

A cantora Luísa Sonza compartilhou a mensagem de apoio de um fã clube, e acrescentou uma mensagem para a amiga: "Te amo”.

Em junho, Ludmilla já tinha sido vítima de ataques racistas, também nas redes sociais. “O povo preto é potência e resistência. O racismo criminoso é uma tentativa de tirar nossa humanidade. Só que a gente não vai se calar e não vai abaixar a cabeça”, afirmou a cantora na ocasião.

O site Lorena.R7, espera e pede que a justiça seja feita! Que os envolvidos não passem impunes! Racismo é crime! Forças, Lud!

(Foto Destaque: Ludmilla é vitima de ataques racistas e desativa suas redes sociais. Reprodução: Chico Cerchiano/Divulgação)

Deixe um comentário