Cinema/TV

Kevin Feige foi impedido de fazer filmes de Demolidor, Justiceiro e outros

O diretor de filmes da Marvel Kevin Feige, tentou trazer para o UCM os astros de séries da Netflix, fazendo filmes de Demolidor, Jessica Jones, Justiceiro e outros.

3 min de leitura
22 Out 2021 - 17h12 | Atulizado em 22 Out 2021 - 17h12

O Universo Cinematográfico da Marvel (UCM) foi lançado em 2008, e teve como seu primeiro protagonista Robert Downey Jr, com o filme Homem de Ferro, a ideia da criação de filmes inspirados em heróis clássicos dos quadrinhos como: Homem-Aranha, Homem de Ferro, Thor, Capitão América e outros. Era criar um universo protagonizado por seus heróis dentro das salas de cinema.

O grande responsável por dar início ao UCM, é o diretor Kevin Feige, atual CEO dos Estúdios Marvel. De 2008 até 2021, foram lançados mais de 20 filmes, entre eles o recorde em bilheteria, Vingadores: Ultimato, que foi o último filme lançado sobre os Vingadores clássicos.

Hoje os fãs de filmes do UCM, pedem fortemente os longas sobre as séries de maiores sucessos da Marvel, que são da Netflix, Demolidor estrelado pelo inglês Carlie Cox, que virou uma febre entre os fãs do justiceiro cego. Outra bem pedida por muitos para que fosse inserido na Universo da Marvel Studios, foi Justiceiro estrelado pelo renomado ator Jon Bernthal, que já atuou em outras séries de sucesso, como The Walking Dead.


Justiceiro, Demolidor e Elecktra. Em cartaz da série Daredevil Reprodução/Netflix


Os fãs não sabiam que Kevin Feige, diretor de sucesso da Marvel Studios, já tentou trazer os justiceiros para as telonas no passado. Porém, foi num tempo em que a Disney ainda não tinha os direitos da Marvel, e as coisas funcionavam de um jeito diferente, e usar os protagonistas das séries originais da Netflix, não era um trabalho nada fácil, por conta do não acordo entre cinema e TV, com a produtora das séries.

Em um livro lançado esse ano, The Story of Marvel Studios: The Making of the Marvel Cinematic Universe, podemos entender melhor como funcionava os estúdios nos primeiros anos de UCM. Na década de 90, para não falir, a editora vendeu alguns de seus personagens para outras empresas. E isso dificultou a vida dos estúdios Marvel em seus primeiros passos. Alguns desses personagens foram os que tiveram os direitos comprados pela Netflix, outro que teve os direitos comprados foi o mais famoso herói das HQ’s, o Homem-Aranha. A ideia da criação do UCM, era tentar arrecadar fundos, colocando seus principais heróis nas salas de cinema, e seus personagens secundários na TV, entre eles, estavam Demolidor e o Motoqueiro Fantasma

Kevin Feige confirma que Dr. Estranho estaria na série WandaVision

Contratação de Robert Downey Jr. foi uma jogada de risco, segundo Kevin Feige

Dwayne Johnson e Kevin Feige já conversaram sobre papel na Marvel

Sem direitos de exibir os personagens, Kevin Feige e sua equipe foram proibidos, pela própria Marvel de protagoniza-los. Isso mudou quando a Disney assumiu o controle, ainda sim, a Marvel TV só foi desfeita recentemente. Hoje a Marvel Studios tem total liberdade nas ações da UCM, trabalhando como uma coisa só, e Kevin Feige intermediando o mundo dos cinemas e das séries, que vivem no mesmo mundo. como foi mostrado nas recentes produções da Disney Plus, como WandaVision e Loki. 

Foto Destaque: Cartaz de apresentação da série Demolidor. Reprodução/Netflix

Deixe um comentário