Notícias

Jovem será julgada por matar seu estuprador no México

Roxana Ruiz, foi vitima de estupro e tentativa de feminicidio, matou seu agressor e agora enfrenta condenação que pode chegar a até sete anos de prisão em julgamento marcado para 1° de setembro

3 min de leitura
06 Ago 2022 - 10h15 | Atualizado em 06 Ago 2022 - 10h15

Roxana Ruiz Santiago de 22 anos, teve sua vida mudada para sempre em 8 de maio de 2021, quando sobreviveu a agressões sexuais e tentativa de feminicídio, matou o estuprador e passou nove meses na cadeia, mas essa historia ainda não chegou ao fim para ela. A jovem foi presa em 2021 pela morte do estuprador, e desde então, esta aguardando o julgamento que irá decidir se ela tem culpa pelo assassinato ou se será absolvida por agir em legítima defesa. A pena de Ruiz pode chegar em até 7 anos de reclusão.

Nascida no Mexico, na cidade de Oaxaca, foi libertada após decisão de um tribunal com a condição de não sair do estado do Mexico, registar presença na justiça e justificar seus movimentos a polícia. Ruiz deu uma entrevista ao El Pais onde contou um pouco de como se sente com toda sua situação atual.

"Sinto uma tensão no peito porque não quero voltar para a cadeia...tenho medo de que a família do homem vá fazer alguma coisa comigo

A jovem, que tem um filho de cinco anos, teme por sua vida e pelo futuro de seu filho, em um estado em que mais de 370 assassinatos de mulheres foram registrados em 2021, a região chegou a receber um alerta por violência de gênero pela alta quantidade de crimes sofridos pelas mulheres. Agora Roxana também faz parte das estatísticas.

Ao El Pais a mesma também conta:

Eu não queria matá-lo, se eu não tivesse me defendido...se esse cara tivesse conseguido me matar, minha mãe estaria lutando por justiça e eu estaria morta.”

Roxana esta em liberdade condicional, mas o Ministerio Publico, insiste em pedir sua volta para a prisão, alegando que a mesma se defendeu de forma excessiva, ao mesmo tempo, a defesa da vítima faz a exigência que o caso seja julgado considerando a perspectiva de gênero.


                               

Roxana Ruiz SantiagoFoto: Reprodução/El Pais


Devido a seu caso judicial e a matérias tendenciosas que sairam na midia na época do crime, ela acabou não conseguindo um emprego após sua liberação, onde era tratada como uma “assassina implacável” por todos do presídio, local em que sofreu novas experiencias traumáticas, chegando a passar fome, ser obrigada a dormir no banheiro da cela, e não receber um colchão, apenas um cobertor, entre outras coisas que Roxana preferiu não relatar por medo do que poderia vir a acontecer com ela.

Ela segue lutando por justiça, hoje recebe apoio de grupos feministas que a acolheram e acompanham o caso ao lado de Roxana, que está exigindo ser ouvida, e enquanto aguarda o desfecho de sua historia segue liderando protestos por justiça para o seu caso, ela não aceita ficar presa por defender sua própria vida.


                       

Roxane vem recebendo apoio de diversas mulheres Foto: Reprodução/El Pais


A mulher de 22 anos espera decisão do ministério publico para saber se deverá voltar para a prisão e aguardar seu julgamento, que ocorrerá em 1° de setembro de 2022.

Foto Destaque: Reprodução/News Movie Daily 

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo