Money

Índices de Wall Street sofrem com avanços da guerra e decreto de Putin

O cenário pessimista voltou após a Rússia realizar novos ataques e seu líder, Vladimir Putin, decretar novas medidas para a comercialização do gás russo a estrangeiros, somente em rublo russo

3 min de leitura
02 Abr 2022 - 11h57 | Atualizado em 02 Abr 2022 - 11h57

Desde o baque durante o início da pandemia, não se previa um tombo como este causado pelo conflito na Ucrânia e elevação das taxas de juros norte-americanos. Com as ações e queda livre, os indicadores de Wall Street estão à beira de um resultado catastrófico neste trimestre. É considerado o pior, desde 2020. Se antes o cenário econômico apresentava sinais otimistas, com as novas investidas russas na região sudeste, forçando a Ucrânia a se preparar para novos conflitos, o pessimismo voltou apesar das negociações de paz.


Veículos militares russo avançando na Ucrânica. (Foto: Reprodução/Folha de São Paulo)


Ainda que novas penalidades impostas pelo governo americano tentassem impedir o avanço russo, como forma de contra-ataque, Putin decretou que o gás russo deverá ser, a partir de abril, comercializado em moeda russa (rublo). O decreto especifica que a exportação deverá ser paga em moeda do seu país. Segundo o S&P, índice do mercado acionário que agrupa as maiores companhias do mundo que compõem e possuem sede nas principais Bolsas americanas, alguns setores, apesar do cenário pessimistas, se mantém no azul, a saber: setores defensivos, e saúde, serviços públicos e imobiliários. Para o serviço público, a notícia é de uma nova e inédita alta em seu desempenho.


Índices econômicos em queda e bandeiras de Rússia e Ucrânia. (Foto: Reprodução/Seu Dinheiro)


Além da guerra militar imposta pelo líder de Moscou, Vladimir Putin, a guerra entre os preços das principais commodities tem induzido a uma série de aumentos além das fortes movimentações em todos os cenários globais, e por consequência, alimentando tensões referente a inflações. Do outro lado, o Banco Central dos EUA, Federal Reserva (FED), de forma agressiva, tem se elevado em relação a sua taxa básica de juros o que tem gerado os fortes e piores impactos negativos desde março de 2020, nos seus principais índices de renda variável. No entanto, o S&P 500, apresenta uma boa recuperação ao superar 5% no último mês com otimismo e retomada.

 

(Foto destaque: Índices da Bolsa de Valores dos EUA. Reprodução/Bloomberglinea)

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo