Moda

Gucci lança releitura da bolsa Bamboo

Para promover a nova versão da Gucci Bamboo 1947, a grife italiana reuniu em um projeto digital nove artistas e criadores internacionais, que foram convidados a mostrar sua visão do clássico

3 min de leitura
17 Fev 2022 - 13h10 | Atualizado em 17 Fev 2022 - 13h10

Ícone criado em 1947, a bolsa Bamboo é considerada um clássico da Gucci e acaba de ganhar uma nova releitura pelas mãos de Alessandro Michele, diretor de criação da casa italiana. Sem abandonar elementos ancestrais como o fecho e a alça de bambu, os novos modelos se diferenciam pelas faixas Web e o couro intercambiável. A versão contemporânea da Bamboo é mais um reflexo da relação entre passado e presente, que pontua o trabalho de Michele. 

Para o lançamento da releitura da bolsa, a casa reuniu nove artistas e criadores internacionais em um projeto digital. Cada convidado teve a oportunidade de compartilhar seu ponto de vista da Gucci Bamboo 1947 através de uma criação artística com a peça. A ação contou com nomes como Everett Glenn, Samson Bakare, Nico Ito, Suzanne Saroff, Cho Gi-Seok, Theo Liu Xiangyu, Katja Mayer, Lou Escobar e Maddalena Arcelloni. 


Criação artística com Gucci Bamboo de Katja Mayer (Foto: Reprodução/ Katja Mayer)


A história da bolsa clássica teve início após a Segunda Guerra Mundial, quando uma parte considerável da Europa lidava com a escassez de matérias-primas para a fabricação de diversos itens. Foi em 1947 que Guccio Gucci, fundador da casa italiana, encontrou a solução para o problema no bambu. O material atendia as necessidades da grife por ser leve e durável, e para moldá-lo a Gucci desenvolveu o próprio método: aquecê-lo para que ele se tornasse maleável. O processo foi patenteado e é usado até hoje. 

Sucesso de vendas, a Gucci Bamboo 1947 logo foi considerada uma grande inovação para a época graças ao fecho e a alça produzidos a partir da planta, e o custo benefício da matéria-prima. Assim, não demorou para que a bolsa, que viria a se tornar um clássico, caísse nas graças de personalidades como a princesa Diana e Elizabeth Taylor. A partir daí, a Bamboo se tornou o objeto de desejo, que até hoje aparece em criações da Gucci. 

A versão repaginada da Gucci Bamboo 1947 chega às lojas nos tamanhos mini, pequeno e médio. Além disso, a bolsa conta com dois tipos de alças destacáveis. 

 

Foto destaque: Gucci Bamboo. Reprodução/ Maddalena Arcelloni

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo