Cinema/TV

Globo de Ouro 2022: saiba mais dos vencedores e concorrentes da premiação

Famosa premiação acontece em um evento fechado, porém sem a presença dos astros e estrelas e da imprensa. A Associação de Imprensa Estrangeira em Hollywood foi quem revelou os vencedores.

3 min de leitura
10 Jan 2022 - 15h16 | Atualizado em 10 Jan 2022 - 15h16

A Associação de Imprensa Estrangeira em Hollywood revelou os vencedores do Globo de Ouro 2022, só que em um evento fechado, sem a tradicional festa e a presença dos astros e estrelas e dos profissionais da imprensa. Em tempo real, atualizando o público quanto aos vencedores nas redes sociais.

Um dos grandes nomes da edição deste ano, na TV, foi "Succession" como melhor série de drama, além de ter conquistado os prêmios pelas atuações de Jeremy Strong e Sarah Snook. No âmbito da comédia, a vitória foi de "Hacks" superando o concorrente "Ted Lasso". 

Quando o assunto é filmes, o destaque maior vai para "Ataque dos cães", conquistando o prêmio de melhor filme de drama, o de melhor direção para Jane Campion e melhor ator coadjuvante para Kodi Smit-McPhee. Outra obra de imenso destaque foi "Amor, Sublime Amor" que conquistou, nada mais, nada menos que, o prêmio, na categoria comédia/musical, de melhor filme, melhor atriz para Rachel Zegler e melhor atriz coadjuvante para Ariana DeBose.


Famosa premiação do Globo de Ouro. (Reprodução/Dia a Dia Notícia)


Além dos destaques, houve muitos outros indicados e vitoriosos. Na categoria de melhor filme de drama, a disputa foi entre "Belfast", "No Ritmo do Coração", "Duna", "King Richard: Criando Campeãs" e "Ataque dos Cães" (o grande vencedor).

Quanto à melhor direção, foram indicados: Kenneth Branagh, por "Belfast"; Jane Campion, por "Ataque dos Cães" (a vencedora); Maggie Gyllenhaal, por "A Filha Perdid"a; Steven Spielberg, por "Amor, Sublime Amor"; e Denis Villeneuve, por "Duna".


Vencedores do Globo de Ouro. "King Richard", "Ataque dos Cães" e "Being the Ricardos". (Reprodução/R7 Entretenimento)


Na categoria de melhor ator em filme de drama, o vencedor foi Will Smith, por "King Richard: Criando Campeãs". Porém, além de Smith, outros indicados foram: Mahershala Ali, por "O Canto do Cisne"; Javier Bardem, por "Being the Ricardos"; Benedict Cumberbatch, por "Ataque dos Cães"; e Denzel Washington, por "The Tragedy of Macbeth".

A categoria de melhor atriz teve como vencedora Nicole Kidman, por sua performance em "Being the Ricardos". Outros nomes indicados foram: Jessica Chastain, por "The Eyes of Tammy Faye"; Olivia Colman, por "A Filha Perdida"; Lady Gaga, por "Casa Gucci"; e Kristen Stewart, por "Spencer".

A categoria de melhor filme de comédia/musical contou com as indicações de (além de Amor, Sublime Amor) "Cyrano; Não Olhe Para Cima"; "Licorice Pizza"; e "Tick, Tick… Boom!"

O prêmio de melhor ator em filme de comédia/musical foi conquistado por Andrew Garfield, por sua interpretação em "Tick, Tick… Boom!" A categoria contou com as indicações de Leonardo DiCaprio, por "Não Olhe Para Cima"; Peter Dinklage, por "Cyrano"; Cooper Hoffman, por "Licorice Pizza"; e Anthony Ramos, por "Em Um Bairro em Nova York".

Além da vitória de Rachel Zegler, por "Amor, Sublime Amor", na categoria de melhor atriz em filme de comédia/musical, a premiação foi disputada por Marion Cotillard, por "Annette"; Alana Haim, por "Licorice Pizza"; Jennifer Lawrence, por "Não Olhe Para Cima"; e Emma Stone, por "Cruella".


Vencedoras do Globo de Ouro: Billie Eilish, Rachel Zegler e MJ Rodriguez. (Reprodução/Gshow - Globo)


O prêmio de melhor ator coadjuvante em filme foi conquistado por Kodi Smit-McPhee, pela sua performance em Ataque dos Cães, porém outros nomes de peso disputaram a competição, tais como: Ben Affleck, por "The Tender Bar"; Jamie Dornan, por "Belfast"; Ciarán Hinds, por "Belfast"; e Troy Kotsur, por "No Ritmo do Coração".

Na categoria de melhor atriz coadjuvante em filme, a vitória foi Ariana DeBose, por "Amor, Sublime Amor". Além dela, outros nomes indicados foram: Caitriona Balfe, por "Belfast"; Kirsten Dunst, por "Ataque dos Cães"; Aunjanue Ellis, por "King Richard: Criando Campeãs"; e Ruth Negga, por "Identidade".

Por melhor roteiro em filme, o vencedor foi Kenneth Branagh, por seu trabalho em "Belfast". Além dele, houve as indicações de Paul Thomas Anderson, por "Licorice Pizza"; Jane Campion, por "Ataque dos Cães"; Adam McKay, por "Não Olhe Para Cima"; e Aaron Sorkin, por "Being the Ricardos". 

Quanto à melhor trilha sonora em filme, o vencedor foi Hans Zimmer, por sua maestria em "Duna". A categoria também foi disputada por: Alexandre Desplat, por "A Crônica Francesa"; Germaine Franco, por "Encanto"; Jonny Greenwood, por "Ataque dos Cães"; e Alberto Iglesias, por "Madres Paralelas"

Em melhor canção original em filme, Billie Eilish foi a vencedora por “No Time to Die” em 007 - Sem Tempo Para Morrer. Outros nomes indicados foram: Beyoncé por “Be Alive” em King Charles: Criando Campeãs; Sebastian Yatra por “Dos Oruguitas” em Encanto; Van Morrison por “Down to Joyem Belfast; e Jennifer Hudson por “Here I Am (Singing My Way Home)” em Respect.

Na categoria de melhor filme estrangeiro, "Drive My Car" foi o vencedor. O mesmo competiu com títulos, como: "Compartment Number 6", "A Mão de Deus", "A Hero" e "Madres Paralelas".

Em melhor filme de animação, o título vitorioso foi "Encanto". Outros filmes que concorreram foram: "Flee", "Luca", "My Sunny Maad" e "Raya e o Último Dragão".

Na disputa de melhor série de drama de TV, "Succession" foi triunfante e compentiu com títulos como: "Lupin", "The Morning Show", "Pose", e "Round 6".

O ator Jeremy Strong foi o vencedor na categoria de melhor ator em série de drama de TV, e competiu lado a lado com Brian Cox, por "Succession"; Lee Jung-jae, por "Round 6"; Billy Porter, por "Pose"; e Omar Sy, por "Lupin".

Em melhor atriz em série de drama de TV, a campeã foi MJ Rodriguez, por "Pose". Participaram da competição, também: Uzo Aduba, por "In Treatment"; Jennifer Aniston, por "The Morning Show"; Christine Baranski, por "The Good Fight"; e Elizabeth Moss, por "The Handmaid’s Tale".


MJ Rodriguez é a primeira mulher trans a vencer um Globo de Ouro de melhor atriz. (Reprodução/Dia a Dia Notícia)


A categoria de melhor série de comédia/musical de TV teve Hacks como grande triunfante. As concorrentes foram: "The Great", "Only Murders in the Building", "Reservation Dogs e Ted Lasso".

O vencedor da categoria de melhor ator em série de comédia/musical de TV foi Jason Sudeikis, por "Ted Lasso". Além, claro, dos concorrentes Anthony Anderson, por "Black-ish"; Nicholas Hoult, por "The Great"; Steve Martin, por "Only Murders in the Building"; e Martin Short, por "Only Murders in the Building".

Jean Smart foi a vencedora na categoria de melhor atriz em série de comédia/musical de TV, por seu trabalho em "Hacks", e concorreu com nome, como: Hannah Einbinder, por "Hacks"; Elle Fanning, por "The Great"; Issa Rae, por "Insecure"; e Tracee Ellis-Ross, por "Black-ish".

Na categoria de melhor série limitada, série antológica ou telefilme, o prémio foi para "The Underground Railroad". Outros títulos que concorreram foram: "Dopesick", "Impeachment: American Crime Story", "Maid" e "Mare of Easttown".

O ator Michael Keaton foi o vencedor na categoria melhor ator em série limitada, série antológica ou telefilme, por sua performance em "Dopesick". Concorendo com Keaton, tiveram atores como: Paul Bettany, por "WandaVision"; Oscar Isaac, por "Cenas de um Casamento"; Ewan McGregor, por" Halston"; e Tahar Rahim, por "The Serpent".

Já na categoria melhor atriz em série limitada, série antológica ou telefilme, Kate Winslet foi a vencedora, por sua interpretação em "Mare of Easttown". Junto a Winslet, concorreram atrizes, como: Jessica Chastain, por "Cenas de um Casamento"; Cynthia Ervio, por "Genius: Aretha"; Elizabeth Olsen, por "WandaVision"; e Margareth Qualley, por "Maid".

O prémio de melhor ator coadjuvante em TV foi conquistado por Oh Yeong-Su, por "Round 6". Outros atores indicados foram: Billy Crudup, por "The Morning Show"; Kieran Culkin, por "Succession"; Mark Duplass, por "The Morning Show"; e Brett Goldstein, por "Ted Lasso". 

Por último, mas não menos importante, a categoria de melhor atriz coadjuvante teve como vencedora Sarah Snook, por seu papel em "Succession". Atrizes concorrentes foram: Jennifer Coolidge, por "The White Lotus"; Kaitlyn Dever, por "Dopesick"; Andie McDowell, por "Maid"; e Hannah Waddingham, por "Ted Lasso".

Foto Destaque: Prémio do Globo de Ouro. Reprodução/Observatório do Cinema - UOL.


Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo