Esportes

Flamengo supera o Goiás e volta a vencer no campeonato brasileiro

Após uma sequência de 4 jogos sem vencer no Campeonato Brasileiro, Flamengo volta a vencer e com gol de Pedro supera o time do Goiás em jogo marcado por protestos da torcida.

3 min de leitura
21 Mai 2022 - 20h20 | Atualizado em 21 Mai 2022 - 20h20

Após viver uma semana turbulenta e polêmica, com o caso Jesus, declaração de Paulo Sousa sobre Diego Alves, reunião entre os dirigentes etc. Flamengo voltou a vencer no Campeonato Brasileiro, em jogo contra o Goiás, no Maracanã, a equipe rubro-negra superou a equipe esmeraldina por 1 a 0, tento marcado por Pedro, este que atuou como titular e formou dupla desde o início com Gabigol, e com essa vitória quebrou uma sequência de quatro jogos sem vencer no Campeonato Brasileiro, sequência essa que vinha de dois empates e duas derrotas.  


Flamengo comemorando gol. Foto/Reprodução: Twitter.


História que precedeu a partida: 
 
Tudo levava a crer que a partida seria uma das mais difíceis até então, porque inicialmente havia um jejum do Flamengo em vencer o Goiás em Campeonato Brasileiro, pois, vinha de duas derrotas e um empates nos últimos três jogos. Além disso, os bastidores da equipe rubro-negra não são dos melhores, essa semana foi recheada de polêmicas e pressões, tanto da torcida em cima da diretoria e na mesma sobre Paulo Sousa, técnico do time, pois além dos resultados negativos dos últimos jogos, mesmo quando vencem, não convencem diretoria e torcida, além da última entrevista coletiva do técnico, que gerou um desconforto no grupo e em Bruno Spindel, diretor de futebol do clube, pois, ao ser perguntado por Fred Huber, jornalista do Globo Esporte, sobre o motivo do Diego Alves não jogar e as condições do atleta, o técnico respondeu:  

“Se vocês verificarem o que são dores no púbis e o tempo que leva para recuperação, não pode ser de um dia para o outro. Ou por uma reunião que teve com o Bruno Spindel na hora do almoço. E que rapidamente se recuperou e podia estar disponível para jogar. Os processos aqui não são assim. O jogador tem que treinar para poder jogar, e ele não treinou desde o jogo contra o Botafogo” - respondeu o técnico.  
 
Deixando um climão nos bastidores do clube, mas, o pior veio em seguida, pois, no dia seguinte, Eric Faria, do Globo Esporte também, informou em dos programas da TV que a pergunta de seu colega teria sido “encomendada” pelo técnico, que logo depois, foi desmentido pelo Fred e pela assessoria de Paulo, sendo assim, se retratando logo depois.  



O jogo: 
 
Com toda cobrança no time, Maracanã cheio (51 mil pessoas), Paulo Sousa resolveu “ousar” na escalação de hoje, pois, tirou um volante (normalmente suas equipes possuem dois), mantendo somente William Arão e escalando Pedro e Gabigol juntos, um dos grandes sonhos da torcida Flamenguista. Escalação essa que trouxe um certo resultado no início, porque a equipe fez questão de assumir as rédeas da partida e trouxe as principais chances do primeiro tempo, porém, fazendo que Gabigol atue distante da grande área e o fazendo armar o jogo, função que não é uma das suas favoritas, mas, foi com o passe de trivela de Gabi para Matheuzinho, que cruzou para o Pedro abrir o placar aos 16 minutos do primeiro-tempo. Logo após, o Flamengo teve mais um gol, mas este foi anulado pelo árbitro, Pablo cabeceou em disputa com o goleiro Tadeu, mas, foi marcada a infração e retirado o tento. O Goiás pouco assustou, com a zaga rubro-negra bem, só teve uma chance que levou um leve perigo, com Pedro Raul, finalizando para fora ao fim da primeira etapa.  
 
O segundo tempo voltou um pouco diferente, inclusive, sendo uma das grandes reclamações da torcida, porque o time tende a ter uma grande queda de rendimento nessa etapa e não diferente dessa vez, aparentando cansaço físico logo nos primeiros minutos e as chances surgindo apenas por “chuveirinhos” na grande área, mas mesmo com essa queda de performance, Goiás pouco assustou também, com exceção ao grande lance da segunda etapa, logo no fim da partida, com Apodi, que teve oportunidade de empatar a partida em lance que se viu sozinho na áreas, mas isolou para fora.  

Ao fim da partida, a torcida comemorou com bastante afinco, força essa que foi na mesma proporção para os seus protestos. Com gritos de “Olê, Olê, Olê. Mister, mister!”, alusão à Jorge Jesus e xingamentos aos dirigentes, Rodolfo Landim, Marcos Braz e Bruno Spindel foram os grandes alvos. 

Próximo jogo: 
 
Com essa vitória, Flamengo chegou aos 9 pontos em 21 possíveis, antes ficando na primeira posição fora da zona de rebaixamento e agora sem riscos de entrar na zona da degola nesta rodada. O Flamengo voltará a campo no próximo domingo (29), às 18h, em clássico contra o Fluminense, no Maracanã, mas antes terá outro confronto pela Copa Libertadores, na próxima terça (24), contra o Sporting Cristal (PER), às 21:30h, também no Maracanã.  

 

Foto destaque: Pablo e Ayrton Luccas entrando em campo. Reprodução: Twitter. 

 

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo