Money

Fintech, Mercado Pago, firmará parcerias com redes lotéricas

Pix, lojas físicas e negociações em espécie nas redes lotéricas. Vice-presidente do Mercado Pago no Brasil, Tulio Oliveira, anunciou nesta última semana as novidades que a fintech planeja para a companhia em solo brasileiro

3 min de leitura
26 Mar 2022 - 12h16 | Atualizado em 26 Mar 2022 - 12h16

Buscando cativar cada vez mais sua base de clientes, na casa dos milhões, o Mercado Pago, banco digital que gerencia os pagamentos na plataforma argentina de compra e venda Mercado Livre, informou que processará os serviços de depósitos e retiradas de valores em espécie. A medida iniciará em meados de abril e poderá ser realizada via PIX.

Com isso, a instituição contará com a abertura de unidades físicas, e assim atenderá a sua base de clientes. A proposta é estimular seus usuários engajando-os a utilizar cada vez a plataforma e seus serviços que, segundo relatório, obteve uma relevante expansão de demanda no período de pandemia no Brasil.

A princípio, um posto físico será implantado em São Paulo e sua proposta é testar os serviços. O projeto piloto se desenvolverá ao logo do ano. A expectativa é que ainda no próximo trimestre possa alcançar mais de duas mil lojas em todo território nacional, utilizando o modelo de negócio do próprio Mercado Livre.


Usuária da fintech Mercado Pago utlizando do serviço no aplicativo. (Foto: Reprodução/Estadão)


A implantação das lojas é o primeiro passo. Em seguinte a fintech planeja a inserção em serviços na rede lotérica, dessa forma, sua amplitude chegará a uma margem de mais de 14 mil postos em todo país. Para o vice-presidente Tulio Oliveira do Mercado Pago do Brasil, esse será um grande passo para atender a clientes que realizam transações em espécie.

Ao mesmo tempo, o avanço possibilitará que os lojistas das redes lotéricas obtenham vantagens consideráveis, proporcionando um faturamento a mais, visto que, operações realizadas nas lojas registradas serão tarifadas. A taxa, não divulgada pelo Mercado Pago, poderá ser definida pelo lojista credenciado.

A necessidade de expansão e corrida para atingir tais metas de crescimento surge após a alta demanda de clientes por serviços através do comércio eletrônico, principalmente financeiro, ocasionado pelas restrições impostas pelas medidas de isolamento social, nos últimos dois anos. Assim, empresas procuram por estratégias para cativar seus consumidores e aumentar seu leque de ofertas lucráveis.

Na última quinta-feira (24), Tulio Oliveira, em entrevista realizada à jornalistas, disse “Desde o ano passado, nosso foco tem sido crescimento com rentabilidade”. Para atender as propostas da companhia, o Mercado Pago tem a expectativa de receber de investimento cerca de R$ 17 bilhões. Recurso esse direcionado para expansão em solo brasileiro ainda este ano.

O vice-presidente ainda informa que, a fintech possui um total de 500 colaboradores em seu quadro, sendo a maioria formada por profissionais de tecnologia especializado em engenharia de softwares. Desse modo, o investimento injetado pela “empresa mãe” Mercado Livre, será direcionado também para o marketing impulsionando as novidades para este ano.

Ainda segundo Tulio, este ano, a instituição financeira lançará novos produtos do setor financeiro, tais como: investimentos, seguros e créditos. A principal novidade será o lançamento do seu primeiro CDB, previsto para meados de abril. A proposta é vender diretamente via aplicativo para seus usuários. “Esse será um primeiro produto mais simples, depois lançaremos outros”, concluiu o vice-presidente.

 

(Foto destaque: Provável parceria entre Mercado Pago e redes lotéricas. Reprodução/GamesBras)

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo