Celebridades

Felipe Prior quer provar sua inocência diante acusações de estupro

O ex-BBB Felipe Prior fala sobre querer provar sua inocência diante as acusações de estupro que se arrastam desde abril de 2020 sobre si. Em entrevista ao programa " Lavando a Roupa ", de Lucas Selfie, o arquiteto conta sobre as consequências.

3 min de leitura
16 Abr 2021 - 16h50 | Atulizado em 16 Abr 2021 - 16h50

Denunciado por estupro e tentativa de estupro por três mulheres, após sua eliminação do Big Brother Brasil 20, Felipe Prior conta em entrevista ao apresentador Lucas Selfie que está ansioso pelo dia de seu julgamento. O ex participante do BBB, que conseguiu marcar seu nome, sendo um dos jogadores mais emblemáticos de sua edição, relata que está sofrendo as consequências de tais acusações. Prior conta já ter sido bloqueado por diversas marcas e não ter acesso a oportunidades.

O arquiteto diz não ter preocupações em relação às acusações, mas que quer logo que a Justiça analise seu caso, pois segundo ele, está cansado das consequências que isso tem criado na vida de sua família, e que não aguenta mais ver seus familiares fingindo que estão bem. “Só quero provar a minha inocência”, afirmou.


Felipe Prior em entrevista a Lucas Selfie (15/04) (Reprodução/YouTube)


“Estou fazendo terapia. Eu sou forte pra caralho. Continuo vivendo minha vida, mesmo com tudo que está acontecendo. Foda-se tudo o que estão me acusando. Minha consciência está tranquila. Vamos resolver e deixar tudo tranquilo. O momento em que eu estou é de querer que tudo isso acabe. Quero que minha mãe tenha a paz dela. Minha mãe sabe o filho que ela tem e a pior coisa que tem para qualquer mãe é ver seu filho injustiçado. Vendo minha mãe e meu pai chorar e fingirem que estão bem não é legal”, comentou durante o programa “Lavando a Roupa”, transmitido no Youtube.

Seu julgamento era previsto para 10 de maio, mas por motivos causados pela pandemia do Covid-19, é provável que seja adiada novamente. A decisão de julgar Prior foi tomada pelo juiz Luiz Guilherme Angeli Feichteinberger, da 7ª Vara Criminal, acatando a denúncia apresentada em agosto pelo Ministério Público de SP.


https://lorena.r7.com/post/Raissa-Barbosa-e-assessor-caem-no-golpe-da-casa-propria-Estamos-correndo-atras-do-prejuizo

https://lorena.r7.com/post/Lipe-Ribeiro-afirmou-ter-sido-traido-por-Ya-Burihan-Fiquei-muito-mal

https://lorena.r7.com/post/Apos-pegacao-de-Anitta-com-Lipe-Ribeiro-em-reality-fas-movimentam-a-internet-apoiando-Ya-Burihan-com-Gui-Araujo


Só quero que isso acabe. Marque a audiência amanhã e eu vou. A pandemia está me fodendo. Eu continuo vivendo, mas hoje eu vou transar com a menina e tenho medo porque eu não conheço a menina ao ponto de não saber se ela pode me prejudicar. Tive que me blindar de um monte de coisa. Muitas vezes quando eu saio com a menina não saio só com ela, levo meus amigos. É muito doido”, relatou Felipe a Selfie.

(Foto destaque: Felipe Prior quer provar sua inocência diante acusações de estupro. Reprodução/Instagram) 

Deixe um comentário