Exclusivas

Exclusivo: Banda Hotelo conta como foi produzir o novo álbum e gravação de clipe com os Vovôs do TikTok: ‘A intenção foi mostrar que não há idade para amar.’

Banda Hotelo fala exclusivamente sobre novo álbum 'Início, Meio e Fim', que conta com participações especiais de Vitor Kley e Di Ferrero. A banda também falou sobre gravação de clipe com os Vovôs do TikTok e otimismo pós pandemia.

3 min de leitura
16 Jul 2021 - 16h05 | Atulizado em 16 Jul 2021 - 16h05

A banda Hotelo lançou seu novo álbum, intitulado como “Início, Meio e Fim”, que já está disponível em todas as plataformas digitais, em junho. O álbum fala sobre amor e superação e possui 13 faixas, dentre elas, “Coladin”, que ganhou clipe com participação especial dos Vovôs do TikTok. A banda conversou com o nosso Portal e contou um pouco como foi a produção do álbum, do clipe e o que eles mais desejam fazer após o término da pandemia.

Primeiramente, queria agradecer imensamente a vocês por essa entrevista e começar falando um pouco sobre o novo álbum de vocês, intitulado como "Início, Meio e Fim". Como foi o processo de criação do álbum com o Tó Brandileone?

“A gente que agradece o espaço, de verdade, obrigado pelo carinho! Foi muito maneiro o processo de gravação do álbum. A gente conseguiu gravar o ‘Início, Meio e Fim’ através de um financiamento coletivo, o que já foi uma conquista muito grande para a gente, e também poder escolher um produtor, que acabou virando um amigo gigantesco, e é um produtor muito bom, que foi o Tó Brandileone.”, explica Deco Martins, vocalista da banda Hotelo.

Deco também diz que o processo de gravação foi rápido e muito leve: “A gente ficou menos de 3 meses no estúdio dele [doTó Brandileone] para gravar o disco, foi um clima muito leve e muito legal. Nós não vemos a hora de gravar com ele de novo!”


Capa do álbum 'Início, Meio e Fim', da Banda Hotelo. (Reprodução/Instagram)


Juntamente com o álbum, também foi lançado o clipe da faixa "Coladin", com os famosos Vovôs do TikTok. De onde surgiu a ideia do clipe e como foi trabalhar com eles?

“A intenção desse clipe foi mostrar que não há idade para amar. Colocamos um casal da melhor idade no clipe de “Coladin”, se divertindo, fazendo coisas de jovens. Achamos que um casal de atores ficaria algo engessado, queríamos um casal de verdade.” Começa Júlio Petterman, guitarrista e backing vocal.

“A gente estava fuçando o TikTok e de repente vimos um vídeo dos vovôs. Na hora todo mundo pensou: ‘É isso! Tem que ser eles, vai trazer uma vibe muito boa para o clipe!’. E a gente amou o resultado, eles se entregaram bastante para esse trabalho ficar lindo do jeito que ficou”, finaliza Júlio, satisfeito com o trabalho.


Banda Hotelo com os Vovôs do TikTok, na gravação do clipe "Coladin". (Reprodução/Instagram)


Voltando um pouco para 2018... O álbum "Mapa Astral" possui participações especiais em todas as faixas. O "Início, Meio e Fim" possui participações especiais do Vitor Kley e do Di Ferrero, como foi gravar com eles? Eram fã da banda NX-Zero, na adolescência?

“Sim, o nosso disco ‘Mapa Astral’ é sobre os 12 signos e nós colocamos uma participação especial para cada música, alguns bem amigos nossos, como AnaVitória, Pedro Calais (Lagum), Atitude67... E isso seguiu com o Vitor Kley, que era um cara que já frequentava a nossa casa, em luaus e saraus, inclusive ele escreveu a música ‘Maior que Nós’ junto com a gente e com o Mike (OutroEu). Somos fãs e amigos do Kley!”, explica Tito Caviglia, também guitarrista da banda.


Hotelo lança álbum inédito sobre amor e superação

Rock in Rio anuncia novo projeto: Rock in Rio Humanorama, com Alok, Fábio Porchat e Monja Coen

Vô Nelson, sucesso do Tiktok, morre aos 90 anos


“Éramos fãs de NX Zero na adolescência e somos fãs até hoje! Achamos que o Di Ferrero ia ter tudo a ver com a versão nova da música ‘Sorte’! Ele topou gravar aqui no nosso estúdio e aproveitamos para gravar o clipe também.”


Lyric Video de "Sorte", com Hotelo e Di Ferrero. (Reprodução/YouTube)


Para finalizar, emanando energias positivas e muita esperança, o que vocês desejam realizar quando a pandemia acabar? Tem alguma cidade que vocês sempre sonharam em conhecer e tocar?

“Quando acabar essa loucura toda, a gente tá doido pra fazer o nosso festival ‘Regalórios’, que é onde a gente consegue reunir nossos fãs e nossos amigos num evento aqui em São Paulo, e com certeza tocar o nosso novo álbum por aí, sentir esse álbum e essa energia de perto.”, diz Conrado Banks, baixista e backing vocal.


Festival Regalórios, da Banda Hotelo. (Reprodução/Instagram)


“Um Estado que eu gostaria muito de ir e a gente nunca foi, é o Rio Grande do Sul. Espero fazer um som lá com a galera e ver todos os gaúchos com a gente!”, finaliza Conrado.

 

(Foto destaque: Banda Hotelo conta como foi produzir o novo álbum e gravação de clipe com os vovôs do TikTok: ‘A intenção foi mostrar que não há idade para amar.’. Reprodução/Instagram)

Deixe um comentário