Música

Em batalha judicial, capa de 'Nevermind' é vetada por Spencer Elden

Em comemoração aos 30 anos do álbum Nevermind do Nirvana, Dave Grohl, Krist Novoselic e até mesmo o falecido Kurt Cobain, além do fotógrafo e a gravadora, estão sendo processados por Spencer Elden, o bebezinho da capa.

3 min de leitura
26 Set 2021 - 19h00 | Atulizado em 26 Set 2021 - 19h00

O icônico álbum “Nevermind”, da banda Nirvana, completou 30 anos de seu lançamento na última sexta (24), e quando tudo deveria ser apenas comemoração, surge a polêmica. A reedição do projeto que conta com 94 faixas dentre elas, arquivos de áudio e vídeo, estará disponível para venda no dia 12 de novembro, no entanto, sua capa original pode vir a ser modificada.

O motivo dessa alteração se deve ao fato de Spencer Elden – o bebezinho que foi fotografado para a capa do álbum – hoje, aos 30 anos, luta na justiça desde o mês passado por essa mutação.


Spencer Elden posa com o álbum 'Nevermind' onde ele foi fotografado aos quatro meses de vida (Foto: Reprodução/Instagram)


Dentre vários argumentos, Spencer diz que a foto da capa do cd foi feita sem a anuência de seus tutores e que a arte pode ser considerada como pornografia e exploração sexual infantil. Esperando receber 150 mil dólares, cerca de R$ 787 mil, de cada um dos envolvidos – os músicos Kurt Cobain (representado pela viúva Courtney Love), Dave Grohl e Krist Novoselic, o fotógrafo Kirk Weddle e a gravadora DGC Records.

Em entrevista à NPR em 2008, Rick Elden, pai de Spencer, se manifestou: “Kirk Weddle nos ligou e disse: ‘ei, Rick, quer ganhar 200 pratas e jogar seu filho na piscina?’ Ele disse que estava tirando fotos de crianças a semana toda e nos convidou ao Rose Bowl. Acabamos fazendo uma grande festa na piscina. Ninguém tinha a menor ideia do que aconteceria”, discorreu. Vale ressaltar que Rick e Weddle eram amigos.

 

https://lorena.r7.com/colunista/Martina-Froes/post/Genesis-empolga-em-primeiro-dia-da-tour-The-Last-Domino

https://lorena.r7.com/colunista/Martina-Froes/post/Elton-John-sofre-acidente-e-tera-de-ser-operado

https://lorena.r7.com/colunista/Martina-Froes/post/Alanis-Morissette-revela-estupro-sofrido-aos-15-anos-no-documentario-Jagged


A foto que foi tirada em 15 segundos e rendeu 200 dólares aos pais de Spencer – o equivalente a R$ 1.045,00 – está sendo mais enfatizada do que a remasterização do álbum em si.  Elden pondera que sofreu “danos ao longo da vida”, e luta para provar que seus pais nunca assinaram documento algum liberando os direitos de imagem e muito menos foram pagos, contrariando o que diz os biógrafos da banda que alegam que não apenas foi consentido a veiculação da imagem como foram remunerados em 250 dólares.

Ao TMZ, Maggie Mabie, advogada de Elden, disse que está exigindo que a genitália de seu constituinte seja encoberta em todas as futuras divulgações e afirma que é hora de “acabar com essa exploração infantil e violação da privacidade”. Enquanto a batalha judicial se estende, os fãs estão mais interessados no lançamento do álbum remasterizado do que como ficará a capa do projeto.

 

Foto Destaque: Spencer Elden. Reprodução/Instagram

Deixe um comentário