Celebridades

Dani Calabresa fala pela primeira vez sobre assédio sexual que sofreu por Marcius Melhem

Dani Calabresa fala pela primeira vez sobre assédio sexual que sofreu pelo ex-diretor de humor da Globo, Marcius Melhem. O assédio ocorreu em 2017, mas Dani só conseguiu se pronunciar no ano passado.

3 min de leitura
04 Mar 2021 - 16h11 | Atulizado em 04 Mar 2021 - 16h11

Nesta quarta-feira (3) a atriz Dani Calabresa falou pela primeira vez no programa Saia Justa do GNT sobre a denúncia de assédio sexual contra Marcius Melhem, ator e ex-diretor de humor da Rede Globo.

 

"Eu acho que tive que colar os caquinhos nos dois momentos mais difíceis da minha vida: depois do divórcio e nesse episódio horrível de assédio. O que me ajudou a colar os pedaços foi o trabalho. O trabalho me salvou. Eu tenho porque acordar. Eu tenho porque tomar banho. Eu tenho que lembrar quem sou. Os amigos, família, terapia, também. Mas o trabalho foi o que mais salvou", relatou a atriz.


https://lorena.r7.com/post/Dani-Calabresa-fala-sobre-processo-contra-Marcius-Melhem-Muito-dolorido-e-intimo

 

https://lorena.r7.com/post/Adriane-Galisteu-de-volta-para-Record-a-mais-nova-apresentadora-de-Power-Couple-Brasil

 

https://lorena.r7.com/post/EX-BBB-Gabi-Martins-conta-sobre-seu-processo-de-lipoescultura-e-protese-de-silicone


A repercussão do ocorrido aconteceu em dezembro do ano passado, quando a atriz conseguiu se impor e falar o que havia acontecido. Foi relatado que o ato aconteceu em 2017 em uma festa de confraternização do elenco do Zorra - programa humorístico na Rede Globo - da qual ambos faziam parte. 

 

Segundo Dani Calabresa, ela foi encurralada por Marcius Melhem na saída do banheiro, e ele forçou beijos tentando deixá-la imobilizada e colocou seu órgão genital para fora de sua roupa. Ela conseguiu se retirar e aos prantos encontrou seus colegas de elenco, Luis Miranda e George Sauma, que a confortaram.

 

Ainda de acordo com a denúncia, após o ocorrido na mesma semana, o diretor do programa tentou falar com a atriz quando ela gravava uma cena para o programa. "Eu não tenho culpa do que aconteceu! Quem mandou você estar muito gostosa?", frase dita por Marcius Melhem. A atriz rebateu na frente de seus colegas de elenco, dizendo que não aceitava as desculpas pelo o que ele tinha feito.


Dani Calabresa e Marcius Melhem - (Reprodução/Instagram/Globo)

 


Dani demorou para denunciar pois tinha medo do que poderia acontecer em sua vida profissional. 

 

"Por causa do trabalho eu não reagi antes. Eu tinha tanto medo de sofrer. Tinha medo de sofrer um boicote. O assédio é um assunto tão assustador que a gente tenta fingir que é normal. Você segue como você consegue. Fingindo normalidade, tentando ser legal, demonstrando uma gratidão excessiva. Mas chega uma hora que isso começa a fazer tão mal que você tem que arrebentar a tampa desse caldeirão", contou Dani em entrevista ao Saia Justa.

 

Só após deixar o programa e se mudar para os EUA ela teve coragem para denunciá-lo para Monica Albuquerque (chefe de Desenvolvimento e Acompanhamento Artístico) que indicou terapia para o acusado e posteriormente a situação foi levada para Carlos Henrique Schorder (diretor da área de entretenimento, esporte e jornalismo) que solicitou uma investigação. E, durante essas investigações, mais três atrizes relataram que tinham passado pelo mesmo.

 

"Nada autoriza assédio. Nenhuma brincadeira, nenhuma mensagem autoriza assédio. Naquele dia foi carinhosa, riu, bebeu, não interessa. Ninguém tem o direito de forçar o contato físico com ninguém. É preciso permissão. É muito difícil lidar com tudo isso, organizar o pensamento. Estou com meus pedaços colados, estou leve. E na terapia", complementou Dani na entrevista.



Foto Destaque: Atriz Dani Calabresa - (Reprodução/Site Metrópole)

Deixe um comentário