Tech

Construção de casas e estradas na Lua e em Marte estão oficialmente confirmadas pela NASA

NASA firmou acordo com empresa que irá desenvolver a tecnologia para as construções. A selecionada foi a Icon, que assinou contrato de R$ 300 milhões para imprimir em 3D a infraestrutura que será usada.

3 min de leitura
03 Dez 2022 - 14h30 | Atualizado em 03 Dez 2022 - 14h30

Nesta terça-feira (29), foi anunciado no site oficial e nas redes sociais da Agência Espacial Norte-Americana (NASA) que já foi selecionada uma empresa de tecnologia para assumir o projeto de construção de casas, estradas e plataformas para pousar na Lua e em Marte. A escolhida foi a Icon 3D Tech e terá um contrato de US$ 57,2 milhões (aproximadamente US$ 300 milhões), válido por cinco anos.

A iniciativa, batizada de Projeto Olympus, tem o ambicioso objetivo de levar ao planeta vermelho uma impressora 3D autônoma e um satélite natural. Para isso, será impressa toda a infraestrutura, utilizando os recursos disponíveis nas áreas.

A Agência anunciou o acordo em seu Twitter e explicou o objetivo do projeto e garantiu: "Nós premiamos a Icon 3D Tech com um contrato para continuar trabalhando em um sistema de construção que poderia ser usado na Lua em Marte! Essa tecnologia foi projetada para usar recursos locais para construir infraestrutura, como plataformas de pouso, habitats, estradas e muito mais".

Esta não é a primeira parceria entre as empresas. A Icon já produziu protótipos para os suportes externos da NASA. Além disso, antes da assinatura do contrato, a empresa estava imprimindo um ambiente natural 3D, conhecido como Mars Dune Alpha, que poderia ser usado para missões de simulação em Marte, a partir de 2023.

Em um comunicado à imprensa, Jason Ballard, o cofundador e CEO da Icon, chamou o projeto de "um grande passo à frente na construção de um futuro melhor para a humanidade".


(Reprodução/Instagram)


Uma grande parte da tecnologia da Icon será usada para construir abrigos em Marte e na Lua. Na primeira fase, uma série de testes será realizada para garantir que os materiais utilizados, como os compostos metálicos e estruturas infláveis, sejam capazes de proteger as pessoas de grandes variações de temperatura, radiação, poeira cósmica e meteoritos.

Segundo o CEO da empresa, Jason Ballard, a tecnologia desenvolvida pela Icon pode ser utilizada já em 2026 para uma viagem à Lua, principalmente para conectar casas com um satélite natural.

Foto destaque: Astronauta na Lua. Reprodução/Corbis/Getty Images 

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo