Esportes

Conheça melhor John Textor, o novo dono do Botafogo

John Textor assinou nesta segunda-feira contrato para comprar 90% do Botafogo; conheça melhor o empresário americano que também é um dos donos de tradicional clube da Premier League.

3 min de leitura
10 Jan 2022 - 19h30 | Atualizado em 10 Jan 2022 - 19h30

Em negociações que ocorreram neste fim de semana, no último domingo (9) enfim foi assinado o contrato que dá ao empresário John Textor a posse de 90% da SAF do Botafogo de Futebol e Regatas. Clube e o americano já haviam assinado um pré-contrato no fim de dezembro, porém a torcida só pôde comemorar sem medo a chegada do novo dono e investidor ao Botafogo após o anúncio oficial que foi publicado e confirmado pelo clube durante o dia de hoje.

A negociação foi acordada, porém ainda não finalizada. O próximo passo é a aprovação interna no clube, pois na próxima quinta-feira (13), o Conselho Deliberativo votará pela continuidade do processo. Na sexta-feira (14), os sócios que darão seus pareceres em reunião. Apenas após a aprovação dos dois grupos, o Botafogo começará o processo para profissionalizar o departamento de futebol. Processo este que deve levar até 60 dias.

Segundo informações, John Textor irá investir R$ 400 milhões no Botafogo, além de assumir todas as dívidas do clube. R$ 50 milhões já devem ser adiantados a curto prazo, alguns dias depois da Assembleia Geral dos sócios.

Quem é John Textor

A chegada do empresário ao Botafogo agitou a torcida, que teve um final de ano mais feliz e esperançoso, após um 2021 de muita luta e garra do clube carioca para retornar para a primeira divisão nacional. Mas afinal, quem é o novo dono que terá a responsabilidade de levar um dos times mais tradicionais do futebol brasileiro a glória?


John Textor foi recebido com festa da torcida em sua chegada ao Rio de Janeiro. (Foto:Reprodução/Davi Barros/ge)


John Charles Textor nasceu em 30 de Setembro de 1965 em Kirksville, Missouri nos Estaods Unidos. John vem de uma família de classe média e estudou em escola pública durante sua infância e adolescência. Apesar de ter uma antepassada da tradicional família americana Dupont, não há nenhum indício de relação do empresário com a gigante empresa de mesmo nome.

John é considerado um empresário promissor e de mente revolucionária, e não há um consenso sobre o real tamanho de sua fortuna. O empresário tem seu nome ligado a uma tecnologia que estará presente em um futuro próximo na vida de milhões de pessoas: o Metaverso.

Sobre sua formação, Textor tem diploma de Economia e dividiu seu tempo na faculdade com seu aprendizado por conta própria em programação. Após a sua graduação, trabalhou em um banco  de investimentos, além de atuar como executivo em um conglomerado de empresas, nesse último emprego se tornou especialista em planejamento estratégico e finanças.

Após se estruturar financeiramente, John decicidiu se tornar empreendedor, investindo bastante em oportunidades que apareceram após o surgimento da internet, no início dos anos 90. Agora como empresário e investidor, o americano se destacava por por sua habilidade de transformar negócios e de acumular grandes valores de capital com diferentes investidores para realizar suas atividades.

Para resurmirmos mais a grande e bem-sucedida história do empresário, podemos dizer que com o passar dos anos John Textor se estruturou e evoluiu cada vez no ramo empresarial e também em ramos de entretenimento, como o cinema americano, arrecando assim sua fortuna atual. Textor também é sócio majoritário da FuboTv, plataforma de streaming de transmissão de ligas e conteúdos de entretenimento em geral. Em 2016, o americano foi classificado como "guru da realidade virtual de Hollywood". Graças as suas diferentes empreitadas, tanto como diretor, tanto como investidor e empresário, não existem relatos precisos sobre o verdadeiro tamanho da fortuna de John Textor.

Tratando agora de um assunto que possa interessar mais a torcida botafoguense e os amantes de futebol, sabemos que John Textor, em parceria com outros sócios, criou o fundo Eagle Holding, que adquiriu 40% do clube inglês Crystal Palace, no último ano.


John Textor também é dono de ações do Crystal Palace, clube da Premier League. (Foto:Reprodução/O Curioso do Futebol)


O fundo gastou cerca de 90 milhões de libras para concluir a transação pelo clube. Apesar do pouco tempo no comando, o grupo já conseguiu reduzir as dívidas do clube inglês em cerca de 50 milhões de libras, e visa uma grande reestruturação no elenco da equipe. Além disso, também foram feitos investimentos no estádio e nas categorias de base do Crystal Palace que, segundo John Textor, será modelo para o investimento nas categorias de base do Botaofgo.

Recentemente, o empresário tentou adquirir 25% das ações do Benfica de Portugal, porém as negociações não avançaram por conta de problemas do presidente do clube português com a justiça do país. No momento, também há negociações para a compra do Molenbeek, clube que joga a segunda divisão da Bélgica.

 

Foto destaque: Montagem de John Textor e Botafogo. (Foto original: Reprodução/Lance)

LEIA MAIS

Deixe um comentário