Como o home office tem causado problemas físicos e mentais

Publicado 09 de Dec de 2020 às 13:19

Com a maioria dos locais ainda se acostumando com a pandemia, muitos empregos tiveram que se readaptar ao período pandêmico que estamos vivendo. Com isso, muitos patrões trabalharam para levar o serviço presencial para dentro da casa de cada funcionário. Termo que ficou muito difundido e famoso foi o “home office”. Porém, depois de alguns meses nesse regime digital, foram notados alguns problemas no bem-estar das pessoas.

Um experimento realizado pela Universidade do Sul da Califórnia, nos Estados Unidos, mostrou que a mudança que as pessoas tiveram que realizar para se adaptarem ao "home office" causaram problemas de saúde física e mental aos empregados.

Leia mais: Redes socias e sua saúde mental 


Home office, saúde, bem-estar, trabalho, online

Muitas pessoas com filhos em casa tem enfrentado dificuldade para se concentrar no trabalho. (Foto: Reprodução/Pexels)


O estudo abordou que o "home office" aumentou as distrações, diminuindo o rendimento dos trabalhadores. Com diversos motivos, como filhos em casa devido às escolas estarem fechadas, televisão ligada, disposição de videogames e falta de local apropriado, ocasionaram a perda de produtividade, foco e ânimo para essas pessoas.

Apesar da maioria defender que o "home office" pode ser melhor no quesito de não ser tão controlado e formal quanto presencialmente, alguns admitiram a perda de produtividade apesar da média de trabalho na pandemia ter aumentado cerca de 1 hora e 30 minutos. Outros problemas relatados pelos pesquisadores foi a posição em que realizam os determinados serviços. Dores no pescoço, incomodo corporal e dores de cabeça, com o alto tempo exposto à tela do notebook ou smartphone, essas foram as principais queixas.

Os pesquisadores também associaram esses problemas à inexistência de um local apropriado para trabalhar. Um ambiente adequado condiz muito com a disposição para realizar tarefas. As mulheres, segundo a pesquisa, apresentaram maior incidência de depressão, enquanto os homens estavam mais propensos a desenvolver novos problemas físicos e mentais.

O segredo, se é que existe para o ‘home office’ é procurar se adequar ao máximo suas atividades antes exercidas presencialmente que agora são feitas na sua própria casa. Uma boa alimentação também pode auxiliar na disposição e ânimo. Procure focar nisso, afinal, não se sabe quando tudo vai se normalizar.

(Foto Destaque: Postura ao trabalhar em casa pode causar problemas físicos. Foto: Reprodução/Pexels) 

Deixe um comentário