Música

Com inspiração em Ramones e letras sarcásticas, banda de punk rock Skarno prepara lançamento de EP com crítica social

A música “Morto Vivo” fala sobre como as pessoas ficam alienadas e “robotizadas” por conta da tecnologia. Banda Skarno inova em apresentar música em tom sarcástico com crítica social.

3 min de leitura
15 Out 2021 - 15h55 | Atulizado em 15 Out 2021 - 15h55

Com uma pegada de letras filosóficas que induzem o público a descobrir suas próprias verdades em suas situações do dia a dia, a banda de punk rock Skarno, de São Paulo, vem se preparando para a produção de novos trabalhos. Criada em maio de 2014 com o nome de “Escarniokratas”, o grupo tem como o foco o trabalho do cinismo, sarcasmo e ironia em suas composições. “A gente procura trazer a verdade onde todos escondem, no íntimo desejo de quanto pior, melhor”, disse Rudi, vocalista da banda.

Com mais de 7 anos de estrada, Skarno teve início apenas com duas pessoas: o vocalista, guitarrista e compositor Rudi, e a baterista e compositora Vanessa. Em janeiro de 2016, o ex-integrante e baixista Fellipe “Irmãozinho” entrou para o grupo logo num período bem trabalhoso, com a banda lançando 50 cópias demo intitulada “Feliz Moralismo”, contendo 18 músicas.

Apesar disso, o trio durou pouco e Felippe acabou deixando o grupo no mesmo ano. Após um longo período apenas com Rudi e Vanessa produzindo shows em dupla, em janeiro deste ano o baixista Alex “Fininho” e o guitarrista solo Erick “Papito” entraram para a banda. Antes apenas com o nome de “Escarniokratas”, em 2021 o grupo surge com nome de projeto de Banda Skarno.

 

Banda Skarno. (Foto: Reprodução/Assessoria)


 “Skarno veio da necessidade de simplificar o nome ‘Escarniokratas’, vindo da ideia de um nome próprio para denominar cinismo, sarcasmo e ironia, componentes nas letras, arte visual e personalidade dos integrantes da banda. Tendo como luz ao novo nome a nossa produtora Monah”, explicou Rudi.

Vivendo uma nova fase, a banda está se preparando para o lançamento da música “Morto Vivo”, que tem a ideia de ser uma crítica social sobre as relações entre as pessoas em um período de alto consumismo e a “robotização” causada pelas facilidades tecnológicas. Seguindo a inspiração em bandas como Ramones, Nirvana, Ultraje a Rigor, Alice in Chains e outros, Skarno irá lançar em breve um novo EP que marcará o início de um ciclo de experiências, novos públicos e reconhecimento do trabalho.

 

Glória Groove

Conan Gray

Camila Cabello

 

“A inspiração de 'Morto Vivo' vem da observação da Vanessa no comportamento das pessoas ao seu redor em seu antigo serviço, no qual poucos se falavam. As pessoas não saiam de seus telefones e pouco prestavam atenção em suas obrigações das quais eram essenciais, afinal, todos eram enfermeiros. No modo geral, isso pode ser perceptivo a alienação das pessoas através da tecnologia, não reparando em pessoas próximas, porém reclamando de familiares e de como a vida é ‘injusta’”, revelou Rudi. 

Você pode conferir mais do trabalho da Banda Skarno acessando o seu Instagram.

 

 

Foto destaque: 

Deixe um comentário