Notícias

Assim era Glória Maria, um ícone e uma mulher sempre a frente do seu tempo

A jornalista sempre esteve a frente do seu tempo, tanto na sua profissão de jornalista, como na sua vida pessoal, enfrentando preconceitos, derrubando barreiras e abrindo portas a todos os jornalistas que vieram depois dela.

3 min de leitura
02 Fev 2023 - 14h58 | Atualizado em 02 Fev 2023 - 14h58

Mulher e negra. Glória Maria foi pioneira numa profissão, em uma época onde os homens dominavam, não havendo espaços para mulheres e muito menos para pretos. Em plena ditadura militar, em 1977, foi a primeira mulher a entrar numa reportagem ao vivo no programa Fantástico da rede globo, até então considerado como o mais importante programa jornalístico da TV brasileira.

No ano de 2007, Glória protagonizou outro pioneirismo. Coube a ela a fazer a primeira aparição em uma transmissão em Alta Definição (HD) da televisão brasileira. A reportagem também era para o programa Fantástico e tratava sobre a festa do Pequi, uma fruta amarela.

Esse pioneirismo todo é reconhecidamente inspiração pra diversas mulheres negras que se sentiam representadas em Glória e decidiram ali, seguir a carreira igual do ídolo. Várias jornalistas mulheres e homens também negros viam nela uma força para continuar na carreira e quebrar tabus e preconceitos junto dela.


Glória Maria, jornalista (Foto: Reprodução/Twitter) 


Glória Maria em uma de suas mais diversas coberturas, sofreu racismo até de um Presidente da República. O último presidente da ditadura militar, o General João Figueiredo afirmava sempre a seus seguranças não querer perto dele “a neguinha da globo”. Ao programa roda viva da TV Cultura em março de 2022 ela disse “eu tive uma experiência horrível com o Figueiredo, mas eu não tinha uma preocupação de que pudesse me prender. Eu tinha talvez uma ingenuidade, sempre carreguei essa visão de que tudo podia dentro do trabalho que eu fazia. Por isso eu ia em frente”.


Flávia Oliveira, jornalista, faz homenagem a Glória Maria (Reprodução/Instagram)


Pioneira até a fazer uso de leis, Glória foi, por um motivo triste, a primeira pessoa a fazer uso da lei Afonso Arinos, promulgada em 1951 contra a discriminação racial. Ela foi barrada em um hotel por ser negra e com isso acionou a justiça contra o hotel.


Presidente Lula presta homenagem a jornalista (Reprodução/Instagram)


Glória Maria faleceu nessa quinta-feira (02), vítima de complicações de um câncer no cérebro após três anos de luta. O corpo está sendo preparado em um hospital na zona sul do Rio de Janeiro e ainda não há maiores informações se o velório e o enterro serão abertas ao público. 

 

Foto Destaque: Glória Maria sorrindo - Reprodução/Twitter/@rogercipó

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo