Celebridades

Após agredir brutalmente sua ex-mulher, DJ Ivis é preso em Fortaleza

Nesta quarta-feira foi concedida a prisão do DJ Ivis, produtor musical acusado de agredir sua mulher Pamella Holanda, após vídeos registrados por câmeras de segurança do apartamento.

3 min de leitura
14 Jul 2021 - 20h40 | Atulizado em 14 Jul 2021 - 20h40

Iverson de Souza Araújo também conhecido como 'Dj Ivis' foi preso nesta quarta feira por agressões contra sua ex-mulher, Pamella Holanda. Após os vídeos das agressões terem sido divulgados nas redes sociais a população e muitos artistas se pronunciaram sobre o caso dando apoio a vítima. Nesta terça (13) a prisão preventiva já havia sido pedida pela Polícia Civil, que teve a confirmação na tarde desta quarta-feira.

As imagens divulgadas por Pamella Holanda, sua ex-mulher, foram publicadas nas redes sociais no domingo, os vídeos foram gravados pelas camêras de segurança do apartamento que mostram o DJ Ivis agradindo Pamella na frente de sua filha e mais outras duas pessoas. De acordo com a Polícia Civil, as agressões aconteceram no dia (1) desse mês, mas Pamela só registrou o caso no dia (3). A Polícia ressaltou que as imagens do circuito interno ainda não tinha sido apresentadas, Pamella também publicou fotos dos hematomas no rosto. Com isso a justiça do Ceará concedeu medida protetiva de urgência a vítima.

Nas redes sociais Iverson alegou que a mulher iria se matar e não estava mais aguentando as chantagens. O músico também disse: "Foi chamado para mim uma viatura para minha casa, porque eu estava sendo acusado de lesão corporal, que eu estava correndo no condôminio com uma faca na mão e isso eu tenho como provar que não estava, nem agradindo ninguém, nem correndo com faca na mão, a minha sorte é essa. E esses vídeos que estão sendo postado, são vídeos postado cortado, eu já tive que me embolar no chão com ela, com a mãe dela, com a minha empregada para não se jogar do rol do décimo andar."



Acusado por agressões contra sua ex-mulher DJ Ivis em preso em Fortaleza (Reprodução/Jornal Correio)


Tendo feito um exame de corpo de delito, a digiltal Influencer Pamella Holanda irá fazer um novo exame para verificar as lesões sofridas pelos seu ex-companheiro. Nesta quarta-feira, a funcionária do casal foi ouvida na delagacia Metropolitana da Polícia Civil de Eusébio, no Ceará, afim de obter mais informações sobre as violências cometidas pelo produtor musical, e o homem que aparece em uma das gravações precisou pestar depoímentos.

Em entrevista nesta quarta-feira (13) para o 'Encontro com Fátima Bernardes', Pamella conta que o motivo da agressão foi porque amamentou a filha quando estava com diagnóstico de Covid-19 mesmo tendo sido orientada por seus médicos. "A Mel tinha quase um mês, naquela ocasião eu estava com Covid, e todos oas médicos me aconselhavam a amamentar. Ele não queria que eu a amamentasse porque disse que eu ia passar Covid." 

Pamella afirma que também sofria agressões durante a gravidez e que ainda não tinha denunciado o caso por medo de suas reações, outro fator que também a fazia ter medo era a reação machista do Dj e de provar o caso, mas após conseguir provas por meios de filmagens, resolveu publicar o caso nas redes sociais.


(Foto em destaque: DJ Ivis é preso em Fortaleza acusado por agressões a sua ex-mulher. Reprodução/Instagram)

Deixe um comentário