Notícias

Alckmin anuncia novos nomes da equipe de transição

Geraldo Alckmin (PSB) anunciou na tarde desta segunda-feira (14) novos nomes que irão integrar as equipes técnicas do governo de transição do presidente eleito Lula (PT).

3 min de leitura
14 Nov 2022 - 21h14 | Atualizado em 14 Nov 2022 - 21h14

O vice-presidente eleito, Geraldo Alckmin (PSB), anunciou nesta segunda-feira (14) novos nomes que irão integrar as equipes técnicas da transição de governo do presidente eleito, Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Para a equipe de Esporte, foram chamados a ex-jogadora de vôlei Ana Moser e o ex-jogador de futebol Raí. Cidades contará com o ex-governador de São Paulo Márcio França (PSB), e com o prefeito de Recife, João Campos (PSB). No grupo de Cultura estará a cantora Margareth Menezes.

Na Educação também foram anunciados os nomes da socióloga Neca Setubal e da presidente do "Todos pela Educação", Priscila Cruz.

Segundo o blog da jornalista Andreia Sadi, foram convidados os médicos Ludhmila Hajjar, Miguel Srougi e Roberto Kalil para a área da Saúde, porém os nomes ainda não foram anunciados oficialmente. "Os três são professores da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP)", lembrou a reportagem do G1.

A equipe de transição está prevista em lei e serve para que seus membros tenham acesso a documentos e informações do atual governo.

A divisão dos profissionais convidados foi feita em 31 áreas temáticas. Lula tem o direito de nomear 50 cargos remunerados, sem contar os que auxiliarão na transição com os cargos de voluntários.

Lista com alguns nomes da equipe de transição anunciados até agora:

Coordenação executiva:

Floriano Pesaro, ex-deputado federal;

Coordenação de articulação política:

Gleisi Hoffman, presidente nacional do PT;

Coordenação de grupos técnicos:

Aloizio Mercadante, um dos fundadores do PT;

Coordenação de organização da posse:

Rosângela Silva, a Janja, esposa de Lula, futura primeira-dama e socióloga.

Grupos técnicos:


Simone está no grupo da Assistência social. (Foto: Geraldo Magela/Agência Senado)


Assistência social:

Simone Tebet (MDB);

Márcia Lopes, assistente social e professora;

Tereza Campello, economista;

André Quintão, deputado estadual.

Cidades e Habitação:

Guilherme Boulos, deputado federal eleito (PSOL);

Márcio França (PSB), ex-governador de São Paulo;

Ermínia Maricato, arquiteta e urbanista;

Evanise Lopes Rodrigues, mestre em urbanismo;

Geraldo Magela, ex-deputado federal.


Márcio França (PSB). (Reprodução/ Wikimedia Commons)


Comunicações:

Paulo Bernardo, ex-ministro das Comunicações;

Jorge Bittar, ex-deputado federal;

Cezar Alvarez, ex-secretário do Ministério de Comunicações;

Alessandra Orofino, especialista em economia e direitos humanos formada na Universidade de Columbia.

Desenvolvimento Regional:

Randolfe Rodrigues, senador (Rede Sustentabilidade-AP);

Direitos Humanos:

Maria do Rosário, deputada federal e ex-ministra de Direitos Humanos;

Silvio Almeida, advogado;

Luiz Alberto Melchetti, doutor em economia;

Janaína Barbosa de Oliveira, representante do movimento LGBTQIA+.

Economia:

André Lara Resende, economista;

Guilherme Mello, economista;

Nelson Barbosa, economista;

Pérsio Arida, economista.


Neca Setubal. (Foto: Reprodução/Veja)


Educação:

Neca Setubal, socióloga;

Henrique Paim, ex-ministro da Educação;

Andressa Pellanda, coordenadora da Campanha pelo Direito à Educação;

Alexandre Schneider, ex-secretário municipal de Educação de São Paulo;

Binho Marques, ex-governador do Acre;

Cláudio Alex, presidente Conif.


Raí, ex-jogador de futebol. (Foto: Reprodução/ Twitter rai10oficial)


Esporte:

Ana Moser, ex-atleta de voleibol;

Edinho Silva (PT), prefeito de Araraquara;

Isabel Salgado, ex-atleta de voleibol;

José Luís Ferrarezi, ex-vereador;

Marta Sobral, ex-jogadora de basquete;

Mizael Conrado, presidente do Comitê Paralímpico;

Nádia Campeão, ex vice-prefeita de São Paulo;

Raí Souza de Oliveira, ex-jogador de futebol;

Verônica Silva Hipólito; atleta paralímpica.

Infraestrutura:

Alexandre Silveira, senador por MG;

Fernandha Batista, secretária de Infraestrutura de Pernambuco;

Gabriel Galipolo, economista;

Maurício Muniz, ex-ministro da Secretaria de Portos;

Miriam Belchior, ex-ministra de Planejamento;

Paulo Pimenta, deputado federal;

Marcus Cavalcanti, secretário de Infraestrutura da BA.

Juventude:

Bruna Chaves Brelaz, presidente da UNE;

Gabriel Medeiros de Miranda, subsecretário de Juventude do RN;

Jiberlandio Miranda Santana, presidente da União da Juventude Socialista do ES;

Keli dos Santos Araújo; secretária-geral de Juventude do PT;

Marcos Barão; membro da Juventude do MDB.

Cultura:

Áurea Carolina, deputada federal (PSOL-MG);

Lucélia Santos, atriz e ex-candidata a deputada federal pelo PSB

Márcio Tavares, Secretário Nacional de Cultura do PT;

Margareth Menezes, cantora.

Igualdade Racial:

Nilma Lino Gomes, ex-ministra de Igualdade Racial;

Givânia Maria Silva, quilombola e doutora em sociologia;

Douglas Belchior, professor;

Thiago Tobias, do Coalizão Negra;

Ieda Leal, Movimento Negro Unificado (MNU).

Indústria, Comércio e Serviços:

Germano Rigotto, ex-governador do Rio Grande do Sul;

Jackson Schneider, executivo da Embraer e ex-presidente da Anfavea;

Rafael Lucchesi, diretor-geral do Senai Nacional.

Mulheres:

Anielle Franco, diretora do Instituto Marielle Franco e irmã da vereadora morta;

Roseli Faria, economista;

Roberta Eugênio, mestre em direito, pesquisadora do Instituto Alziras e ex-assessora de Marielle Franco.

Saúde:

Humberto Costa, senador (PT)

Conselho político de transição

Antônio Brito, deputado federal (PSD);

Carlos Siqueira, presidente PSB;

Daniel Tourinho, presidente do Agir.

Foto Destaque: Vice-presidente eleito Geraldo Alckmin divulga nomes da equipe de transição do governo. Reprodução/TV Globo.

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo