Saúde

Uganda confirma quatro mortes em meio surto de Ebola

País africano enfrenta um novo surto de Ebola, em um dia houve registro de mais mortes. Para as autoridades o surto foi causado pela variante da cepa do Sudão que não circulava no país desde 2012.

3 min de leitura
24 Set 2022 - 16h28 | Atualizado em 24 Set 2022 - 16h28

O Ministério da Saúde de Uganda anunciou que o país enfrenta um novo surto de Ebola, foram registrados nas ultimas 24 horas mais três mortes no distrito de Mubende, cerca de cerca de 150 quilômetros da capital, Kampala. Na ultima terça-feira (20), as autoridades haviam reportado o primeiro óbito do vírus desde 2019 em um homem de 24 anos. Segundo o as autoridades de saúde o surto foi causado pela variante da cepa do Sudão que não circulava no país desde 2012. Porém um caso da variante havia sido reportado na província congolesa de Kivu do Norte, que faz fronteira com Ruanda e Uganda, em agosto, que estava em surto da doença.

Ainda segundo a OMS (Organização Mundial de Saúde) mais sete casos foram confirmados com a cepa. "Foram identificados 43 contatos, e 10 pessoas suspeitas de terem contraído o vírus estão recebendo tratamento no hospital regional de Mubende" confirmou a OMS. Ainda em comunicado, Abdou Salam Gueye diretor regional de emergências do escritório da OMS na África anuciou que uma equipe de especialistas está ajudando nas investigações. “Nossos especialistas já estão trabalhando com a experiente equipe de controle do ebola em Uganda para fortalecer a vigilância, diagnóstico, tratamento e medidas preventivas".


Micrografia eletrônica de varredura do vírus Ebola brotando da superfície de uma célula Vero dos rins de macaco africano. (Foto: Reprodução/NIAD)


O que é ebola?

Segundo o CDC (Centro Nacional de Doenças Zoonóticas Infecciosas) é uma doença grave e fatal, causada pela infecção com uma das espécies do vírus do Ébola, que pode provocar doenças em humanos e primatas não-humanos como macacos, gorilas e chimpanzés. Atualmente já foram descobertos cinco variantes do vírus -quatro delas provocam a doença apenas em humanos- sendo elas: Vírus do Ébola (“Zaire ebolavirus”); vírus da floresta Tai (“Tai Forest ebolavirus”); vírus Bundibugyo (“Bundibugyo ebolavirus”) e a encontrada em Uganda vírus do Sudão (“Sudan ebolavirus”). A quinta variante o vírus Reston ("Reston ebolavirus"), provoca doença apenas em primatas não-humanos. Presentes em vários países africanos, o Ebola foi descoberto em 1976, perto do rio Ebola no território que pertence atualmente à República Democrática do Congo. Desde então, ocorrem surtos periódicos na África. Sua transmissão se da por contato com secreção, fluído ou tecido de uma pessoa infectada, também ocorre de um animal infectado para humanos. Os principais sintomas da doença são: Diarreia, vômito, febre, dor de cabeça, abdominal e nas articulações, perda de apetite, dificuldade para engolir alimentos e tomar água, além de falta de ar e cansaço. O Ebola não possui cura, mas existe vacina e tratamentos que podem evitar o agravamento da infecção.

Ebola no Brasil

Segundo o ministério da saúde, não existe registro de casos de Ebola no Brasil e para alguns especialistas é pouco provável que haja uma epidemia no país devido ao fato de ter um sistema de saúde eficaz, como salientou o infectologista Eduardo Alexandrino, professor de Infectologia da Escola Paulista de Medicina (Unifesp) em entrevista ao R7.

Foto destaque: Homem recebendo cuidados médicos. Reprodução/EBC

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo