Esportes

Thiago Braz fica em 4º lugar e sem medalha no salto com vara

Atleta fez a marca de 5.94m e ficou fora do pódio no Campeonato Mundial de Atletismo. O sueco Armand Duplantis ficou com o título e bateu o recorde mundial.

3 min de leitura
25 Jul 2022 - 10h38 | Atualizado em 25 Jul 2022 - 10h38

O brasileiro Thiago Braz, campeão olímpico no Rio-2016 e bronze em Tóquio-2020, não conseguiu passar dos 5.94m em duas tentativas e dos 6.00 m em sua última chance. Com isso, o atleta terminou na quarta posição na final do salto com vara masculino no Campeonato Mundial de Atletismo em Eugene, nos Estados Unidos. Com essa marca, o brasileiro ficou sem chances de medalha e assistiu o americano Christopher Nilsen, o filipino Ernest John Obiena e o sueco Armand Duplantis, chegarem ao pódio.

Thiago começou a final num ritmo melhor que da semifinal, passando alturas (5.55m e 5.70m) sem dificuldades. Mas os problemas começaram nos 5.80m. Na sua primeira tentativa, Braz errou na sua subida e esbarrou no sarrafo. Na segunda tentativa, o brasileiro passou e conseguiu concluir o salto. Mas chegando à altura dos 5.94m, Braz chegou ao seu limite, derrubando o sarrafo em suas duas tentativas. Como tentativa final, ele arriscou os 6m, mas não teve sucesso. O resultado foi frustrante para o atleta brasileiro, já que ele tem tradição em crescer nas grandes provas e vinha de uma boa apresentação em Estocolmo (Suécia).


Thiago Braz termina em quarto lugar no Mundial de Atletismo. (Foto: Carol Coelho/CBAt)


“Dentro da prova já estava esperançoso. Falei: ‘a medalha está ali, só preciso acertar de primeira o 5,94 m’. Mas acabei não conseguindo. Depois, tentei elevar a barra para seis metro, estratégia, mas acabou não dando certo”, disse Thiago Braz a reportagem do Sport TV.

Armand Duplantis confirmou o favoritismo na prova e fez história mais uma vez. O Sueco ficou com o ouro e garantiu o título mundial ao saltar 6,06m, mas decidiu aumentar o sarrafo para 6,21m para quebrar o recorde mundial, que já era dele. Em sua primeira tentativa, ele errou a velocidade e não conseguiu a decolagem. Mas em sua segunda tentativa, Duplantis passou o sarrafo e quebrou sua própria marca, estabelecendo assim um novo recorde mundial.

Foto destaque: Braz tenta saltar 6m mas sem sucesso e não consegue chegar ao pódio. Crédito: Gaspar Nobrega/COB/Arquivo.

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo