Notícias

Segundo pesquisa Datafolha, pessoas contrárias aos atos golpistas são maioria e defendem punição dos manifestantes

São cerca de 75% as pessoas contrárias aos atos ilegais em rodovias e nas portas de quartéis. Dos que disseram que votaram em Bolsonaro, 50% se dizem contra essas manifestações antidemocráticas.

3 min de leitura
22 Dez 2022 - 14h16 | Atualizado em 22 Dez 2022 - 14h16

Nessa quarta-feira (21) foi anunciada a pesquisa do Instituto Datafolha no jornal “Folha de São Paulo”, uma pesquisa na qual mostra que 75% da população é contra atos de desrespeito a democracia sendo manifestados por bolsonaristas radicais que não aceitaram o resultado das eleições.

O Instituto ouviu 2.026 pessoas em 126 municípios nos dias 19 e 20 de dezembro e fez perguntas se são a favor ou contra às manifestações feitas por apoiadores do presidente Jair Bolsonaro, como bloquear rodovias e pedir intervenção militar nas portas dos quartéis, que é contra a constituição federal e passível de prisão.

21% das pessoas se declararam a favor, 75% contra, 3% indiferentes e 1% declarou que não sabe responder. A pesquisa tem margem de erro de dois pontos percentuais para mais e/ou para menos.


Manifestantes golpistas pedindo intervenção militar em atos antidemocráticos. (Foto: Reprodução/Twitter)


Destrinchando a pesquisa:

Dos que declararam na pesquisa terem votado em Bolsonaro no segundo turno, 50% são contra a essas manifestações golpistas de radicais. Já os que votaram em Lula, são 96% os que são contra.

Em duas regiões, Centro-Oeste e Norte é onde atinge o maior número de apoiadores às manifestações: 29% a favor e 65% contra. Já na região Nordeste, esses números se invertem: 14% são a favor e 83% são contra.

Entre religiões cristãs, os católicos são 80% contra e os evangélicos são 65% contra.

Entre mulheres e homens, elas são 78% contra e eles 73% contra.

Em relação a serem punidos ou não, esses números ficam mais equilibrados. A pesquisa mostra que 56% são a favor de uma punição aos manifestantes que pedem golpe militar, pois precisam respeitar a constituição. 40% são contrários a qualquer tipo de punição, pois para esses, eles têm o direito de se manifestar. Não sabem ou não souberam responder, são 4%.

Foi também perguntado sobre o bloqueio de perfis em redes sociais pela justiça. Foi mostrado que a maioria são contra o bloqueio de contas de pessoas que são contra a democracia. 63% contra, 32% a favor e 3% declararam não saber responder.

Foto Destaque: Bolsonaristas radicais acampados na frente de quartel pedindo intervenção militar. - Reprodução/Twitter

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo