Saúde

Secretaria de Saúde do DF descarta 3,5 mil doses de CoronaVac

Após suspender a vacinação de crianças até 4 anos de idade com a CoronaVac no último sábado (3) por conta do estoque limitado, a Secretaria de Saúde do DF descartou doses vencidas do imunizante.

3 min de leitura
05 Set 2022 - 16h51 | Atualizado em 05 Set 2022 - 16h51

3,5 mil doses da vacina CoronaVac foram descartadas pela Secretaria de Saúde do Distrito Federal. Segundo a pasta, o imunizante teve a sua data de vencimento expirada na última quarta-feira (31). A aplicação da vacina já havia sido suspendida no mês passado por estoque limitado.

Liberada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para aplicação em crianças de 3 a 5 anos em julho, a CoronaVac teve baixa procura pelos responsáveis dessas crianças, o que causou a suspensão da vacinação de quem estava nessa faixa etária em agosto.


Baixa procura por vacinação fez doses serem descartadas no DF. (Foto/Reprodução/ADF)


A CoronaVac é uma vacina contra a COVID-19 produzida pela Sinovac Biotech, uma empresa farmacêutica com sede em Pequim, na China. A empresa se concentra especificamente no desenvolvimento e fabricação de vacinas para doenças infecciosas humanas.

A vacina foi validada para a lista do uso da emergência pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em 1 de junho do ano passado. O procedimento da OMS para a CoronaVac incluiu uma revisão da segurança e da eficácia da vacina, assim como inspeções no local da produção.

O Grupo Consultivo Estratégico de Especialistas em Imunização (SAGE), principal conselho consultivo da OMS sobre vacinas, também revisou a vacina como parte da validação. A partir de janeiro de 2022, a vacina foi aprovada para uso em 52 países.

A CoronaVac é uma vacina inativada que usa uma versão morta do vírus SARS-CoV-2 para que ele não possa se replicar, mas mantém a proteína pico de superfície intacta para desencadear o sistema imunológico do corpo a fim de criar anticorpos para proteção contra o vírus vivo.

Confira, na íntegra, a nota da Secretaria de Saúde do Distrito Federal:

“Desde o início do processo de imunização contra a Covid-19, a Secretaria de Saúde tem atuado com responsabilidade para garantir primeira e segunda dose para todos os cidadãos. Por isso, cerca de 3,5 mil doses de CoronaVac foram armazenadas e esperaram o público que tomou a primeira dose do imunizante, em especial as crianças e pessoas imunossuprimidas. Infelizmente, a população não aderiu ao apelo da SES para completar o ciclo vacinal.”

Foto destaque: Embalagem da vacina CoronaVac. Reprodução/Butantan

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo