Empreender na Prática

Sebrae e CNI buscam startups para programa de internacionalização nos EUA

Com a união das instituições, 300 startups serão selecionadas para o programa que terá duas etapas, online e presencial. Sendo uma delas, residência em Nova York, nos Estados Unidos.

3 min de leitura
21 Dez 2022 - 15h30 | Atualizado em 21 Dez 2022 - 15h30

O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e a Confederação Nacional da Indústria (CNI) lançaram, na segunda-feira (12), uma chamada pública para a seleção de 300 startups brasileiras para o Programa de Internacionalização CNI-Sebrae Edição 2022-2023.

O propósito é de todos os representantes das 300 startups inscritas participem inicialmente de uma capacitação virtual de um mês, com encontros semanais. Ao final desta etapa, sete empresas serão selecionadas com finalistas para participar de um período de residência de 10 dias, que acontecerá em Nova York, nos Estados Unidos, em julho de 2023.

O programa, intitulado “Land-to-Launch”, está elegível para a participação de pequenas e microempresas inovadoras com Receita Operacional Bruta (ROB) de até R$4,8 milhões. Os interessados podem se inscrever gratuitamente até o dia 20 de fevereiro pelo site do programa. “Essa é uma enorme oportunidade para startups brasileiras ampliarem seus horizontes, buscarem parcerias internacionais e avançarem no seu desenvolvimento tecnológico, a partir de um conteúdo técnico de alta qualidade e profissionais de ponta da área de inovação”, destaca Gianna Sagazio, diretora de Inovação da CNI. “A iniciativa vai promover, além de aprendizados técnicos para as empresas selecionadas, o acesso a ecossistemas internacionais de inovação e uma exposição estratégica no mercado externo, que dará mais visibilidade aos pequenos negócios brasileiros do segmento”, conclui Bruno Quick, diretor técnico do Sebrae.


Sebrae e CNI buscam startups para programa de internacionalização nos EUA (Foto:Reprodução/Pinterest)


Como vai funcionar o programa

A primeira etapa do programa, visa o meio da capacitação virtual, tendo foco na internacionalização para o mercado norte-americano. Já a etapa de residência, é voltada para impulsionar os negócios via encontros presenciais e online, com mentoria de atores do ecossistema de inovação. O convênio entre CNI e Sebrae, prevê cooperação técnica e financeira, com grande objetivo em mobilizar, facilitar e ampliar o acesso das empresas brasileiras a esse sistema. Durante os três anos de vigência do convênio, estão previstas seis chamadas públicas nacionais para seleção das startups participantes.

 

Foto Destaque: Sebrae e CNI buscam startups para programa de internacionalização nos EUA:Reprodução/Pinterest

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo