Celebridades

Sander Mecca fala sobre futuro após se livrar das drogas

O canto Sander Mecca, ex Twister falou sobre como decidiu sair do mundo das drogas, além de comentar sua vida amorosa e relembrar a época que passou na prisão em 2003

3 min de leitura
27 Set 2021 - 17h00 | Atulizado em 27 Set 2021 - 17h00

O cantor Sander Mecca recentemente comentou sobre sua vida e como tomou a decisão e a força de vontade para largar as drogas definitivamente. O ex-vocalista da boyband do Brasil, a famosa Twister, que tem hits como “Perdi Você”, “40 Graus” e “Um Beijo Seu” respondeu essas questões de fãs e seguidores em seu perfil no Instagram. "Minha motivação para me manter limpo hoje é pela minha decisão verdadeira de construir uma família e querer estar limpo. Tem que querer. Não é dizer 'não posso mais usar drogas'. Poder, eu posso. Tenho que querer não usar drogas. Não quero mais", disse o artista nas suas redes sociais. "Nos próximos 40 anos quero viver em família, pleno, escrevendo, compondo, tocando e me mantendo em recuperação, procurando ajudar outras pessoas. Quero um filho, quero ser pai”, contou Mecca.

 

https://lorena.r7.com/post/Nasce-Liz-filha-de-Leo-Santana-e-Lore-Improta

https://lorena.r7.com/post/Sasha-e-Joao-Figueiredo-curtem-passeio-em-Paris

https://lorena.r7.com/post/Wanessa-Camargo-fala-em-entrevista-sobre-as-pressoes-que-enfrentou-no-inicio-da-carreira


Atualmente, o cantor namora Adriana, que é uma antiga fã do Twister desde o auge nos anos 90, e depois de muitos anos deram início ao namoro. Recentemente Mecca postou uma foto de 20 anos atrás onde aparece ao lado da atual namorada.


Sander Mecca e sua namorada Adriana em 2000 (Foto: Reprodução/Instagram)

Sander Mecca e sua namorada Adriana em 2000 (Foto: Reprodução/Instagram)


Além de falar sobre sua volta por cima saindo do mundo das drogas e de sua vida amorosa, Mecca também comentou sobre o tempo em que ficou na prisão. O artista foi preso em 2003 após ser flagrado com uma grande quantidade de entorpecentes ao sair de uma festa. Na época, Sander ficou no mesmo presídio que os irmãos Daniel e Cristian Cravinhos, que sob a ordem de Suzane Von Richtofen mataram os pais da jovem. “O que me fazia ter medo na prisão era rebelião. Tinha suspeita e a cadeia ficava alvoroçada", começou Sander. “A convivência nossa lá dentro era de detento e preso. A gente ficava junto, lá somos apenas um número, detentos iguais. A convivência era boa na medida do possível”, relatou o arista.

 

Foto Destaque: Sander Mecca e a namorada Adriana. Reprodução/Instagram

Deixe um comentário