BBB

Relembre: Todas as expulsões que já aconteceram no BBB

Um bom reality é recheado de conteúdo, mas, também, de polêmicas. Relembre um pouco sobre participantes que movimentaram as redes com os casos de expulsão durante a participação no BBB.

3 min de leitura
12 Jan 2022 - 10h15 | Atualizado em 12 Jan 2022 - 10h15

A 22° edição do reality show Big Brother Brasil começará segunda-feira, dia 17 de janeiro. Adentrando o universo de polêmicas do programa, podemos listar as expulsões que ocorreram no reality, que impactaram não somente os participantes, mas, como também, os telespectadores.

O reality estreou em 2001, porém, apenas na 12° edição ocorreu a primeira expulsão do programa. Em 2021, Daniel foi expulso após as filmagens de sua relação com Monique, ao qual, acreditaram que ela estava dormindo. O participante foi expulso para fazerem a investigação, mas Monique declarou que não houve nenhum tipo de abuso.

Ana Paula Renault era uma das favoritas a vencer o BBB16, mas, durante uma festa, a participante deu um tapa na cara de Renan. O mesmo relatou o ocorrido à produção do programa e a integrante foi expulsa do reality. Ana Paula chegou a ganhar um quadro no ‘Video Show’, e, também, participou da final do BBB.


Ana Paula bate em Renan (Foto: Reprodução/ Globo)


Uma das maiores polêmicas de expulsão foi a de Marcos Harter durante a 17° edição do BBB. Após uma discussão com Emily Araújo – a participante com quem mantinha um relacionamento – Marcos deixou marcas no braço de Emily, causando uma revolta muito grande na internet, o que ocasionou sua expulsão por agressão na reta final do programa. A final foi composta por Emily, Vivian e Ieda, e Emily foi coroada como a campeã da edição.

O BBB19 bateu recordes de expulsão. O primeiro deles foi o de Fábio Alano, que, durante o confinamento no hotel, a produção descobriu que o participante havia mentido sobre o seu contrato de trabalho, e, dessa forma, Fábio foi automaticamente eliminado, sem nem pisar na casa.

Vanderson foi expulso após a entrada na casa, sob acusações de agressões por três mulheres (envolvendo estupro, agressão e importunação ofensiva ao pudor).

A integrante Hariany Almeida também foi expulsa no BBB19 após empurrar sua amiga Paula. A integrante era uma das favoritas durante a edição, e, mesmo chegando tão longe no programa, não foi o suficiente para evitar a quebra da regra, como situou o apresentador Tiago Leifert "Regra é regra e a regra é soberana”.

 

Foto destaque: Ana Paula Renault, Marcos Harter e Hariany Almeida. Reprodução/ Globo.

LEIA MAIS

Deixe um comentário