Notícias

Professora é morta a facadas por ex-aluno em Inhumas

Cleide Aparecida dos Santos, de 60 anos, foi morta em sua residência em Inhumas. O ex-aluno da professora afirmou que matou a professora por levar broncas durante as aulas.

3 min de leitura
25 Ago 2022 - 10h00 | Atualizado em 25 Ago 2022 - 10h00

A professora da rede estadual de Goiânia, Cleide Aparecida dos Santos, de 60 anos de idade, foi assassinada por um ex-aluno a facadas, na cidade de Inhumas, região metropolitana de Goiânia. Conforme os relatos da Polícia Militar, o ex-aluno de 24 anos de idade confessou o crime afirmando que matou a mulher para se vingar de uma bronca durante a aula.

O incidente aconteceu na madrugada de quarta-feira (24). O suspeito do crime é visto transitando de bicicleta às 00h40, de acordo com o relato da polícia, no momento que o suspeito estava indo para a casa da vítima. Minutos depois, é possível visualizar nas câmeras de segurança o jovem retornando do local do crime.


Professora Cleide Aparecida dos Santos, de 60 anos, que foi assassinada em Inhumas, Goiás.

      Foto: Cleide Aparecida dos Santos, de 60 anos, que foi assassinada em Inhumas, Goiás. | Imagem/ Reprodução: Redes Sociais.


A Unidade Militar relatou que o suspeito entrou na residência da vítima pulando o muro, realizou o ataque com uma arma branca (faca), entrou em confronto com o filho da vítima, e realizou o caminho de volta para sua casa após cometer o assassinato.

O Corpo de Bombeiros foi chamado para prestar socorros a vítima, que foi conduzida para uma unidade de saúde, mas ela não sobreviveu aos ferimentos. O acusado foi preso após procurar atendimento médico por ter um corte no seu pé, após se ferir durante a prática do delito.

O Major Israel Rodrigues, subcomandante do 40º Batalhão da Polícia Militar, relatou que o ex-aluno assumiu o crime e foi preso ainda pela manhã após cometer o crime. "Ele guardava uma raiva muito grande da professora pois era sempre chamado atenção por parte dela, motivado por muita bagunça e venda de drogas nas imediações do colégio", afirmou o oficial à TV Anhanguera.

O Major deu mais detalhes e afirmou que o jovem teve aulas no ano passado com a professora de 60 anos: “Ela sempre chamava a atenção dele" – completou o subcomandante.

Os dados do autor do crime não foram divulgados. O site Lorena R7 não conseguiu confirmar o nome do suspeito para tentar buscar a defesa do autor do delito.

 

 

Foto Destaque: Cleide Aparecida dos Santos. Imagem/Reprodução: Redes Sociais 

 

 

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo