Notícias

Primeira visita oficial do rei Charles III à Gales tem várias manifestações permitidas

O primeiro-ministro do País de Gales, Mark Drakeford, permitiu que as manifestações pudessem ser contra ou a favor do novo monarca. O rei se reservou a não comentar nada crítico aos ataques, mas se manifestou de forma amigável aos galeses.

3 min de leitura
16 Set 2022 - 20h15 | Atualizado em 16 Set 2022 - 20h15

O rei Charles III foi vaiado por seus súditos nesta sexta-feira (16) em sua primeira visita oficial ao País de Gales. O novo rei está viajando pelas nações que compõem o Reino Unido — Gales, Escócia, Irlanda do Norte e Inglaterra. Ele chegou no país certo de que teria manifestações populares contrastantes: uns a favor de seu reinado e da monarquia e outras contra.

O rei tem um grande apreço por essa terra porque por cinco décadas esteve no título de Príncipe de Gales. O porta-voz do rei foi enfático em seu pronunciamento sobre a imensa paixão e afeição de Charles pela histórica terra onde a cultura celta é dominante. Ele afirmou que o rei disse — de forma cautelar a ele — que durante toda sua vida demonstrou compromisso e lealdade ao povo do país.

A região do país, diferentemente de outros países do Reino, é dotada de autonomia política e está se afastando aos poucos da coroa britânica. Entretanto, isso não faz com que o povo galês esteja completamente crédulo de que o Reino Unido em algum dia poderia acabar com a monarquia parlamentarista — sistema político vigente.



Além de ter uma conversa com o primeiro-ministro do país, Mark Drakeford, Charles III também começou a executar a agenda externa, cumprindo as atividades como Chefe de Estado. Nessas viagens, uma das primeiras e principais motivações é a de que ele vá saudar os seus súditos.


Charles III e Príncipe William em cortejo de saída do funeral de Elizabeth II em Edinburgo, Escócia. (Foto: Reprodução/Instagram)


Como o mundo ainda se encontra de luto com a perda de Elizabeth II, o filho da rainha mais longeva da história do Reino Unido também se preocupou em consolar seu povo e receber deles as condolências sinceras, independente das preferências políticas dominantes na sociedade galesa.

As manifestações citadas foram permitidas por Drakeford, e, de acordo com reportagem do portal G1, além das vaias, o novo monarca também foi bastante aplaudido, recebendo gritos de apoio e inúmeras homenagens.

Foto Destaque: Cartazes de manifestações contra a monarquia em Cardiff. Reprodução/Twitter 

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo