Notícias

Presidência da Petrobrás pode afetar mudanças nos valores do combustível

José Mauro Coelho Ferreira alerta possível crise de desabastecimento do Diesel a partir do segundo semestre, químico foi demitido após 40 dias empossado.

3 min de leitura
27 Mai 2022 - 20h30 | Atualizado em 27 Mai 2022 - 20h30

O presidente da República Jair Bolsonaro fez a terceira troca desde o início de seu mandato nos comandos da Petrobras e do Ministerio de Minas e Energia, José Mauro Coelho Ferreira e Bento Albuquerque foram demitidos de seus cargos nesta segunda (23), Caio Paes é indicado para a Presidência da Estatal. 

 O químico José Mauro chefiou a Petrobras por 40 dias, deixando o comando pelos mesmos motivos que fizeram seus antecessores Joaquim Silva e Luna e Roberto Castello Branco serem exonerados, as instabilidades de reajustes nos valores dos combustíveis. Os aumentos em pleno ano eleitoral vêm chateando o Presidente Bolsonaro, que almeja a reeleição, ele se opõe a política adotada pela Petrobras, a PPI (Preços de Paridade Internacional), que faz com que o valor dos combustíveis acompanhe a variação do preço do barril de petróleo no mercado internacional. 


 

Refinaria da Petrobrás (Foto Reprodução: Veja)

 


A PPI foi adotada em 2016 pelo então Presidente Michel Temer e por depender do mercado internacional, a cotação do dólar interfere diretamente na alta dos valores, nos governos anteriores de Luis Inacio Lula da Silva e de Dilma Roussef os calculos eram feitos de forma diferente, era considerada a variação dos preços do petróleo no mercado internacional e nos custos de produção no país.   

 Diante desta terceira troca de gestão, o Mercado vem reagindo mal e ações da Petrobras caíram cerca de 3%, em oficio levado à Agência Nacional do Petróleo, José Mauro alerta sobre possível desabastecimento no próximo semestre, no documento, sem entrar em detalhes sobre os motivos da troca, ele explica, “Diante do cenário de escassez global de diesel e do cronograma de paradas programadas das refinarias —apesar dos melhores esforços da companhia, a Petrobras entende que há elevado risco de desabastecimento de diesel no mercado brasileiro no segundo semestre de 2022. Adicionalmente, há também grandes incertezas quanto aos níveis das cotações internacionais do produto nessa conjuntura de escassez”. 

 A Petrobras tem parcela de 38,6% sobre o preço da gasolina, resultando assim na elevação dos valores nas refinarias o que reflete nos preços que chegam aos  postos, mas não somente a Estatal tem grande influência sobre essas variações, de acordo com Deyvid Bacelar, coordenador geral da Federação Única dos Petroleiros (FUP), Jair Bolsonaro pode intervir na redução do valor do combustível e controlar a inflação.  "O presidente da República pode e deve interferir na política de preços do Brasil. Por sinal, o preço do combustível é o maior fator de inflação, já que o combustível interfere em itens como alimentos e vestuário. A Petrobras tem papel social, e qualquer empresa com controle da União pode ser usada para defender o interesse público. Nesse caso, temos a questão da inflação.". disse em entrevista ao UOL. 


Caio Paes, indicado á Presidencia da Petrobras (Foto Reprodução: Forbes Brasil)

 


Caio Paes de Andrade, indicado para assumir o cargo de presidência da Petrobras, é o do atual secretário de desburocratização do Ministério da Economia, é também mestre em administração de empresas pela Universidade de Duke, nos EUA, formado em Comunicação Social pela Universidade Paulista (UNIP) e pós-graduado em administração e gestão em Havard.

 

Foto destaque: Petrobrás. Reprodução/Estadão

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo