Notícias

Pedras da fome ressurgem na Europa como alerta para mudanças no clima

O período de seca pelo qual a Europa está passando tem trazido à tona novamente as pedras da fome. Quando os níveis dos rios estão baixos, elas, que ficam cobertas pela água em períodos normais, voltam a surgir.

3 min de leitura
20 Ago 2022 - 19h52 | Atualizado em 20 Ago 2022 - 19h52

O período de seca pelo qual a Europa está passando trouxe à tona novamente as chamadas “pedras da fome”. Essas iguarias são comuns na Europa central, e tratam-se de rochas nos leitos dos rios que ficam visíveis apenas quando os níveis de água estão extremamente baixos. De acordo com a BBC, elas voltaram a aparecer desde 2018, fazendo com que o continente entrasse em estado de alerta.

Algumas dessas pedras trazem consigo mensagens sobre os acontecimentos desencadeados pela falta de água e pela seca da população que vivia entre os séculos 15 e 19 nos locais em que hoje estão estabelecidos a Alemanha e a República Tcheca, como contou a BBC. Elas foram instaladas em áreas cobertas pelos principais rios da Europa, e quando eles estão com um nível baixo de água, elas reaparecem. Uma delas já pode ser vista no Rio Elba, que nasce na República Tcheca e corre pela Alemanha, desaguando no Mar do Norte. Em alemão, está escrito: “se você me vir, chore”.


As pedras da fome são mais encontradas à beira do Rio Elba. (Imagem/Reprodução: Wikimedia Commons/ Midia Ninja)


A cidade que até o momento conta com mais pedras expostas pela seca é Dín, no norte da República Tcheca, local onde o Rio Plounice deságua no Rio Elba, perto da fronteira com a Alemanha. Por enquanto, doze pedras da fome já estão expostas com a baixa do rio. No passado, a população não possuía muitos recursos para lidarem e driblarem os períodos de seca. Devido a isso, a seca acabava arruinando diversas plantações e fazia com que ficasse difícil ou praticamente impossível a navegação dos rios por onde chegavam alimentos e suprimentos. Com isso, a seca desencadeava também a fome. Nas últimas semanas, os países França e Espanha tiveram que acionar o recurso de racionamento de água.

Acompanhe as mais variadas notícias sobre realities, celebridades, mundo animal, política, mundo pet, mundo gourmet, entre outras editorias aqui no portal Lorena R7.

 

Foto Destaque: Uma das pedras mais recentes documenta a seca de outubro de 2016 no Elba. Imagem/Reprodução: Wikimedia Commons/ Mídia Ninja

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo