Moda

Pantys estreia no metaverso com lançamento de NFTs

Mais uma vez, a Pantys é pioneira ao estrear no metaverso como primeira marca de lingeries do mundo a lançar NFTs. Seguindo uma tendência global, a empresa disponibilizou 33 tokens não fungíveis exclusivos

3 min de leitura
18 Fev 2022 - 13h20 | Atualizado em 18 Fev 2022 - 13h20

Com o olhar voltado para um futuro, a Pantys, marca nacional que é referência em calcinhas absorventes, fez sua estreia no metaverso. Seguindo uma tendência global de mercado, mais uma vez a empresa se mostra pioneira ao ser a primeira marca de lingeries do mundo a lançar NFTs. 

Para sua estreia na maior plataforma de tokens não fungíveis do metaverso, a Panty lançou 33 NFTs exclusivos. Cada produto custa 0,015 ETH, o que equivale a aproximadamente R$ 200 no câmbio atual. A marca segue os passos de grandes empresas do segmento de beleza e moda, como Clinique, Nivea, Gap, Karl Lagerfeld, Nike, Burberry e Gucci. 

“Enxergamos essa inovação como uma oportunidade de interagir com artistas e com a nossa comunidade de novas formas, convidando todos para colaborar com a gente e a criar os melhores conteúdos para o universo feminino global, além de garantir uma experiência de marca única e a possibilidade de gerar um impacto socioambiental de forma mais instantânea”, conta Emily Ewell, sócio-fundadora da Pantys, em comunicado à imprensa. 


Pantys lança 33 NFTs (Foto: Reprodução/ Pantys)


Nativa digital, a Pantys é uma marca que atua no combate da pobreza menstrual e, através dos “social impact NFTs”  levará essa missão para o metaverso. Para cada transação digital realizada, a empresa doará uma calcinha absorvente. Além disso, parte dos lucros será revertida em doações. 

A Pantys também reiterou seu compromisso com a sustentabilidade, prometendo que vai medir, reduzir e compensar todas as emissões de carbono que forem produzidas com as NFTs. 

“A tecnologia Blockchain gera uma enorme pegada de carbono, portanto, assim como os produtos físicos da marca, que levam a etiqueta de carbono neutro, as emissões da Pantys serão calculadas com base no consumo de energia da rede Ethereum e no gás médio utilizado por transação para serem neutralizados”, afirmou a também sócia-fundadora Maria Eduarda Camargo.

 

Foto destaque: Pantys entra para o metaverso. Reprodução/ Pantys

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo