Cinema

Oscar 2023: Diretora de Till fala em misoginia contra negras depois de ser esnobada pela Academia

Chinonye Chukwu, diretora de “Till- Em Busca por Justiça” fala em misoginia contra negras depois de ser esnobada pela Academia. O filme estreia em fevereiro no Brasil

25 Jan 2023 - 12h50 | Atualizado em 25 Jan 2023 - 12h50
Oscar 2023: Diretora de Till fala em misoginia contra negras depois de ser esnobada pela Academia Lorena Bueri

Nesta terça-feira, 25, o Oscar 2023 revelou os seus indicados e Chinonye Chukwu, a diretora do longa-metragem “Till - Em Busca por Justiça”, conforme o “Terra”, desabafou sobre a falta de indicações a seu filme e também criticou os indicados para a premiação, que não tem nenhuma diretora mulher concorrendo. Ela acusou a indústria de “misoginia descarada contra mulheres negras”

Chinonye Chukwu, em parte no Instagram, escreveu: “Vivemos em um mundo e trabalhamos em indústrias que estão tão agressivamente comprometidas em defender a brancura e perpetuar uma misoginia descarada em relação às mulheres negras”


Post da diretora. (Reprodução/Instagram @chinonyechukwu


A diretora também escreveu: “Sou eternamente grata pela maior lição da minha vida - independentemente de quaisquer desafios ou obstáculos, sempre terei o poder de cultivar minha própria alegria, e é essa alegria que continuará sendo uma das minhas maiores formas de resistência”

Além de ter sido a diretora do longa-metragem, Chukwu também é responsável por assinar o roteiro da produção junto de Michael Reilly e Keith Beauchamp.

A trama do filme segue a história verdadeira da busca incansável de Mamie Till Mobley por justiça para o seu filho de 14 anos, Emmett Till. No ano de 1955, Emmett Till foi linchado quando visitava seus primos no Mississippi. No coração da pungente jornada de Mamie Till Mobley, que acabou por transformar o luto em ação, está o poder universal e coragem de uma mãe que está disposta a mudar o mundo. 


Assista ao trailer de “Till - Em Busca por Justiça”. (Reprodução/YouTube)


A produção conta com um elenco composto por Danielle Deadwyler, Whoopi Goldberg, Jalyn Hall, Frankie Faison, Jayme Lawson, Tosin Cole, Kevin Carroll, Sean Patrick Thomas, John Douglas Thompson, Roger Guenveur Smith e também Heley Bennett. 

Esta não é a primeira vez que um filme de Chukwu é ignorado pela Academia. No ano de 2019, o seu longa de estreia, “Clemência”, era um dos mais cotados a conseguir uma indicação na categoria de melhor atriz para Alfre Woodard, mas não aconteceu. 

A atriz Whoopi Goldberg, que também é produtora, ecoou a reclamação quanto à falta de indicações de “Till” durante o programa “The View”, que a mesma apresenta na TV americana.  

Além de “Till”, há um outro filme com diretora e atrizes negras, “A Mulher Rei”, também foi esnobado pelo Oscar 2023. A obra dirigida por Gina Prince-Bythewood foi elogiada pela crítica e, portanto, esperava-se que figuras entre os Melhores Filmes e que a atriz Viola Davis fosse indicada para o prêmio de Melhor Atriz.

Na lista de indicados, nenhuma mulher negra foi indicada ao Oscar de Melhor Atriz. Além disso, nenhuma mulher que qualquer cor apareceu na categoria de Melhor Direção. 

“Till - Em Busca por Justiça” vai ser lançado nos cinemas do Brasil no dia 9 de fevereiro de 2023. 

Foto Destaque: Cena de “Till - Em Busca por Justiça”. Reprodução/Twitter @TILLMovie.

VEJA TAMBÉM

Trump está na liderança da disputa presidencial americana Lorena Bueri

Trump está na liderança da disputa presidencial americana

Joe Biden perde prestígio com eleitores americanos e pode ceder seu lugar na Casa Branca para o ex-presidente Donald Trump, após as próximas eleições
Exclusivo: Michel Joelsas revela detalhes de “Últimas Férias”, “Fuzuê” e atual momento da carreira  Lorena Bueri

Exclusivo: Michel Joelsas revela detalhes de “Últimas Férias”, “Fuzuê” e atual momento da carreira

Em entrevista exclusiva ao Lorena.R7, o ator Michel Joelsas contou detalhes sobre Eric, personagem da nova série nacional da Star+, "Últimas Férias", Francisco, da novela "Fuzuê", o atual momento da carreira e muito mais; confira na íntegra
Corpos de bebês em estado de decomposição são descobertos em UTI de hospital desocupado em Gaza Lorena Bueri

Corpos de bebês em estado de decomposição são descobertos em UTI de hospital desocupado em Gaza

Um vídeo divulgado à CNN revela os restos mortais de pelo menos quatro crianças, com a alarmante constatação de que três delas permaneciam ligadas a dispositivos hospitalares
Jung Kook divulga clipe do single “Hate You” com uma estética cheia de emoção; confira Lorena Bueri

Jung Kook divulga clipe do single “Hate You” com uma estética cheia de emoção; confira

Jung Kook mostra mais uma vez sua capacidade de entregar projetos que emocionam não só os seus fãs, mas também uma parcela significativa do público geral
'Duna 3' tem roteiro 'quase pronto', segundo o diretor Denis Villeneuve Lorena Bueri

"Duna 3" tem roteiro "quase pronto", segundo o diretor Denis Villeneuve

O primeiro filme, lançado em 2021, ultrapassou mais de 402 milhões de dólares em bilheteria, sendo indicado também como "Melhor Filme", no Oscar 2022
Jaque confronta Marcia Fu sobre vazamento de estratégias na formação da 11ª Roça Lorena Bueri

Jaque confronta Marcia Fu sobre vazamento de estratégias na formação da 11ª Roça

Após ser acusada por Jaquelline, Marcia se defende e alega não saber das intenções de Jaque sobre o vazamento de estratégias e intenções de voto em relação a 11ª Roça
Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo