Notícias

Obstetra Shakespeare Novaes é investigado por violência obstétrica

O obstetra é réu por violência obstétrica a 15 mulheres, e a morte de um bebê no Distrito Federal. A denúncia coletiva foi entregue ao Ministério Público, e o processo corre em sigilo.

01 Abr 2023 - 11h50 | Atualizado em 01 Abr 2023 - 11h50
Obstetra Shakespeare Novaes é investigado por violência obstétrica Lorena Bueri

Cresce todos os dias o número de mulheres que sofreram violência obstétrica no Brasil. Entende-se por violência obstétrica qualquer intervenção, procedimentos desnecessários e/ ou sem evidências cientificas a gestantes e parturientes; violência física, verbal ou sexual e qualquer ato que ofendam mulheres antes, durante e após o parto.

A Fundação Perseu Abramo realizou um estudo em 2010, identificando que 1 a cada 4 mulheres alegou ter sofrido violência obstétrica. Publicada em 2012, pelo Nascer no Brasil, da Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) em pesquisa mais recente, 30% das mulheres atendidas em hospitais privados foram vítimas de violência obstétrica, enquanto no SUS, a taxa é de 45%.


Vácuo extrator, utilizado para expulsão do bebê em partos normais. (Foto:Reprodução/ Metropoles)


O assunto vem ganhando mais visibilidade nos últimos tempos devido o caso do menino Bernardo. Em outubro de 2021, Shakespeare Novaes Cavalcante de Melo, médico obstetra, foi denunciado ao Ministério Público Federal pela morte de um bebê após o parto. Segundo a família, o bebê teria sofrido um trauma na cabeça após o médico utilizar uma ferramenta chamada "vácuo extrator", para conseguir retirá-la do útero da mãe, além da manobra de Kristeller realizada por uma enfermeira.

As denúncias só foram aceitas pelo MP um ano após o caso. Atualmente, outras 28 mulheres apresentaram denúncia coletiva contra médicos por violência obstétrica no Distrito Federal. O obstetra foi citado em 15 casos, e um relatório de 11 páginas foi entregue ao ministério.

Relatos das vítimas e acompanhantes reclamam do atendimento do obstetra no pré-natal, parto e pós-parto. As denúncias incluem sequelas para os bebês como: paralisia cerebral, convulsões, desconforto respiratório. E sequelas para as mães como: hemorragias, edemas e infecções.


Alguns exemplos de violência obstétrica. (Foto:Reprodução/ Senado Federal/ Facebook)


Algumas das outras reclamações incluem:

- Diagnósticos inadequados ou negligenciados,

- Falta de contato com o obstetra durante o trabalho de parto,

- Ausência de visitas e consultas pós-parto,

- Realização de procedimentos sem autorização da parturiente,

- Recusa a pedidos da gestante sobre o próprio parto,

O médico segue sendo investigado, a direção da Maternidade Brasília, no Sudoeste, onde ele trabalhava, o afastou. 


Segundo exemplo de violência obstétrica (Foto:Reprodução/ Migalhas)


Se você for vítima de qualquer violência obstétrica, denuncie e exija seu direto a acompanhante. 

Foto Destaque: Obstetra Shakespeare Novaes e Maternidade Brasília são alvo de investigação por violência obstétrica
Reprodução/ Uol.

VEJA TAMBÉM

“Não vou desistir”, afirma Lula sobre acordo entre Mercosul e União Europeia Lorena Bueri

“Não vou desistir”, afirma Lula sobre acordo entre Mercosul e União Europeia

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva acredita que as negociações podem avançar na reunião da cúpula do Mercosul, que ocorre nos dias 6 e 7 de dezembro, no Rio de Janeiro.
Carol Dantas, mãe do filho de Neymar mostra Davi Lucca dando banho na irmã e encanta a web Lorena Bueri

Carol Dantas, mãe do filho de Neymar mostra Davi Lucca dando banho na irmã e encanta a web

A influenciadora e mãe do primeiro filho de Neymar mostrou como foi o processo para conhecer Mavie e compartilhou Davi Lucca dando banho na irmã mais nova
Madura afirma que Venezuela irá “recuperar Essequibo'; Guiana prepara defesa Lorena Bueri

Madura afirma que Venezuela irá “recuperar Essequibo"; Guiana prepara defesa

Com a aprovação do referendo, Nicolás Maduro acredita que o país deu os primeiros passos de uma “nova etapa histórica" pela reivindicação de Essequibo; segundo Bharrat Jagdeo, vice-presidente da Guiana, o governo se prepara para o pior.
Kéfera responde em seu instagram que foi convidada para farofa da Gkay, mas recusou  Lorena Bueri

Kéfera responde em seu instagram que foi convidada para farofa da Gkay, mas recusou

Na tarde desta segunda-feira (4), a Youtuber foi questionada em seus stories se iria comparecer a farofa da Gkay e a resposta dela surpreendeu seus seguidores
Cachê de Ana Castela sobe de R$ 80 mil para R$ 600 mil após sucesso de shows Lorena Bueri

Cachê de Ana Castela sobe de R$ 80 mil para R$ 600 mil após sucesso de shows

Colunista Léo Dias revela que cachê de Ana Castela aumentou para R$ 600 mil após sucesso da música "Pipoco"; a música ficou em primeiro lugar entre as mais tocadas no Spotify
Ana Hickmann informa que mãe de colega do filho também sofreu agressões Lorena Bueri

Ana Hickmann informa que mãe de colega do filho também sofreu agressões

Em entrevista ao Domingo Espetacular, Ana Hickmann afirma que muitas mulheres a procuraram em diversos locais para pedir ajuda e denunciar casos de violência
Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo