Notícias

Nove pessoas morrem em decorrência das chuvas fortes no Sudeste e Sul do país

As informações foram repassadas pelas autoridades dos cinco estados mais atingidos, Minas Gerais, Espírito Santo, Rio de Janeiro, Paraná e Santa Catarina. A previsão é de mais chuva por vir.

3 min de leitura
01 Dez 2022 - 20h25 | Atualizado em 01 Dez 2022 - 20h25

Até agora nove pessoas já morreram, entre os dias 28/11 e 1/12, vítimas das chuvas fortes que atingiram os estados de Minas Gerais, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Paraná e Santa Catarina. As informações foram repassadas pelas autoridades estaduais. 

Em Minas Gerais um idoso foi levado pela enxurrada, na cidade de Bom Jesus do Galho, na Zona da Mata. Já na cidade de Piraúba, as chuvas fortes com granizo vitimaram um homem na casa dos 60 anos, que foi atingido por um muro após a estrutura ter sido danificada. 

Segundo a Defesa Civil de Minas Gerais, mais de quarenta cidades estão em estado de emergência, cerca de 956 pessoas estão desabrigadas e mais de 3500 estão desalojadas.

Na manhã desta quinta-feira, uma pessoa morreu após uma casa desabar na cidade de Viana, região metropolitana de Vitória, no Espírito Santo. 
De acordo com o Corpo de Bombeiro, a vítima era um homem de 57 anos. A mulher da vítima, que também estava na casa no momento da tragédia, foi socorrida e levada ao hospital. Ainda segundo o Corpo de Bombeiros, a casa ficava localizada em uma região de encosta.  

Os temporais já deixaram cerca de 750 pessoas desabrigadas e o Espírito Santo entrou em estado máximo de alerta, devido ao alto volume de chuva que é esperado nas próximas 48h.  

No norte do estado do Rio de Janeiro, duas pessoas morreram e outra cinco ficaram feridas nas cidades de Conceição de Macabu e em Carapebus. 

Um deslizamento no bairro da Bocaina, em Conceição de Macabu, feriu cinco pessoas, uma delas em estado grave, e vitimou uma idosa de 62 anos. 

As escolas da rede municipal de educação não terão aula hoje (1º) e amanhã (2), e três unidades de saúde do município estão fechadas, após serem atingidas pelos temporais.

Em Carapebus, mais um idoso foi vítima e morreu atingido por um raio em uma fazenda da região. O município está em estado de calamidade pública e, segundo a prefeitura, outras pessoas estão desaparecidas devido às enchentes causadas pelas chuvas. O fornecimento de água foi interrompido na cidade, além disso a as aulas foram suspensas nesta quinta-feira (1º) e as escolas estão se preparando para receber os desabrigados.

No Paraná um deslizamento na BR-376 soterrou 21 veículos na última segunda-feira (28), dois corpos foram resgatados até o momento.  


Tragédia soterrou 21 veículos na BR-376 (Foto: Reprodução/Pexels/Internet) 


As operações de resgate já ultrapassaram as 50 horas e estão sendo executadas pelo Corpo de Bombeiros e equipes da concessionária responsável pelo trecho da BR. De acordo com as autoridades até 30 pessoas podem estar soterradas no local. 

Uma Central de Atendimento foi disponibilizada para que os familiares e amigos de possíveis pessoas desaparecidas na tragédia possam entrar em contato. O telefone é o (41) 3361-7242 e o serviço é 24 horas. Outras informações também podem ser obtidas pelo telefone 0800-282-8082.

Em Santa Catarina o Corpo de Bombeiros confirmou a morte de dois homens, sendo uma em Brusque, causada por um deslizamento de terra, e a outra em Palhoça, onde a vítima tentava atravessar uma área alagada e morreu eletrocutado.

De acordo com as autoridades estaduais, a área mais atingida do estado foi a da Grande Florianópolis, principalmente nos municípios de Santo Amaro, São José e Palhoça.

Foto destaque: Cinco estados foram os mais atingidos e a previsão é de mais chuva nos próximos dias. Reprodução/Pixabay/Internet

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo